Dá um Gosto ao ADN

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Montijo e Afonsoeiro festejam aniversário

Dia da Freguesia distingue Florineve e Arlindo Oliveira com Barca Aldegalega 

A Junta da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro voltou a celebrar mais um Dia da Freguesia, no passado dia 15 de Setembro. No Cinema Teatro Joaquim d’ Almeida foram distinguidos Arlindo Oliveira e a empresa Florineve com a Barca Aldegalega, seguindo-se um concerto com Luís Represas. O presidente do executivo da União de Freguesias de Montijo e Afonsoeiro, fez um balanço do trabalho desenvolvido nos últimos três anos, acrescentado que  “a nossa forma de entender a causa pública e o conhecimento que temos do verdadeiro papel dos autarcas, permite-me afirmar que, apesar de estarmos no caminho certo ainda é necessário mais esforço e mais trabalho para podermos responder às necessidades da freguesia", contou Fernando Caria. 
União de Freguesias do Montijo e Afonsoeiro comemora aniversário 

Este ano, o executivo da junta decidiu distinguir a empresa Florineve e Arlindo Oliveira, professor catedrático e presidente do Instituto Superior Técnico, pelo trabalho realizado ao longo dos anos, que muito tem prestigiado o Montijo.
Vítor e Anabela Araújo, proprietários da Florineve, referiram ser “com muita honra e humildade que, em nome de toda a equipa da Florineve, recebemos esta distinção. Este reconhecimento aumenta a nossa responsabilidade e incentiva-nos a continuar o nosso trabalho e sonho com o propósito de divulgar a nossa empresa, região e cidade – Montijo, Capital da Flor”, relembrando também, todos os floricultores que diariamente dinamizam a economia do concelho.
Arlindo Oliveira afirmou ser um “grande prazer aceitar esta distinção. Para mim talvez esta homenagem é menos merecida, porque não fiz nada de especial a não ser seguir as coisas que gostava, como as tecnologias”. O presidente do Instituto Superior Técnico incentivou, ainda, os mais jovens a “ser engenheiros, a criar tecnologia. Como alguém disse, a melhor maneira de prever o futuro é inventá-lo e é isso que os engenheiros fazem”.
O Dia da Freguesia contou com as intervenções do presidente da Junta da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro, Fernando Caria, do presidente da Câmara do Montijo, Nuno Canta, do presidente da Mesa da Assembleia da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro, Manuel Marques, do 1.º secretário da Assembleia Municipal, Pedro Carromeu, e do presidente da ANAFRE, Pedro Cegonho.
Fernando Caria fez um balanço do trabalho desenvolvido nos últimos três anos, acrescentado que  “a nossa forma de entender a causa pública e o conhecimento que temos do verdadeiro papel dos autarcas, permite-me afirmar que, apesar de estarmos no caminho certo ainda é necessário mais esforço e mais trabalho para podermos responder às necessidades da freguesia e daqueles que, ao votarem em nós, acreditaram que falamos verdade quando afirmamos que em primeiro lugar estão as pessoas”.
O presidente da Câmara do Montijo, Nuno Canta, realçou o importante papel das freguesias no sistema democrático: “uma democracia como aquela que vemos na nossa cidade, com autarcas que aprendem todos os dias no terreno, em contacto direto com os eleitores, que governam em proximidade com as pessoas, enriquece o nosso regime político”.
Após a entrega da Barca Aldegalega e dos discursos oficiais, Luís Represas brindou o público que encheu o Cinema Teatro Joaquim d’ Almeida com uma magnífica viagem pelos seus maiores êxitos musicais.

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010