Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Câmara de Setúbal requalifica Parque do Bonfim

Obras valorizam pulmão verde da cidade 

O Parque do Bonfim, principal espaço verde da cidade de Setúbal, está a ser reabilitado numa intervenção em curso, liderada pela Câmara Municipal, de melhoria da atratividade do espaço, dotado de condições renovadas de usufruto para a população. A beneficiação da área central do parque, concretamente junto do lago, é "uma das principais ações da operação urbanística executada por administração direta, ou seja, com recurso a meios técnicos e humanos da própria autarquia, com conclusão prevista para o dia 15 de Setembro", diz a Câmara de Setúbal em comunicado.
Parque do Bonfim vai renascer requalificado 

Naquele local, diz a autarquia, "além da substituição das lajetas em pedra danificadas que circundam a área pedonal envolvente ao lago, são redefinidas as caleiras das árvores de grande porte que proporcionam amplas zonas de sombra. Também o relógio de sol ali existente, construído em pedra, é também recuperado".
O lago, no qual habita uma comunidade de aves, é também beneficiado no âmbito desta intervenção a decorrer desde o início de agosto. Neste caso, a Câmara de Setúbal "vai instalar um sistema de repuxos, com iluminação decorativa, embelezamento que, além de reforçar a atratividade do local, auxilia a oxigenação da água", diz o comunicado.
Da obra faz também parte a criação de um palco, já instalado, igualmente na zona central do Parque do Bonfim. A infraestrutura, fixa, está apetrechada de um sistema elétrico e iluminação dedicada, a par de um ponto de água, recursos que permitem a realização de eventos culturais e desportivos variados.
A operação em curso no Parque do Bonfim incluiu ainda a pavimentação de todas as zonas de circulação pedonal, a colocação de novo mobiliário urbano, como bancos de jardim, assim como a beneficiação da iluminação pública, agora toda com tecnologia LED, e trabalhos pontuais de reparação no parque.
Paralelamente a esta intervenção, "que confere uma nova atratividade e condições renovadas de usufruto ao Parque do Bonfim", a Câmara de Setúbal "reabilitou, neste caso com recurso a empreitada, a rede de saneamento público que serve aquele equipamento localizado no centro da cidade".

A história do Parque do Bonfim 
A origem de um espaço verde no local, onde se situa o parque do Bonfim, remonta ao século XVI, quando D. Manuel I adquiriu a Herdade Barbuda, a Norte do Postigo de Santa Catarina, na confluência com a atual avenida 5 de Outubro.
Naquele vasto terreno mandou plantar um aprazível jardim. Ao longo dos anos, o jardim sofreu várias obras e ampliações. O atual foi concebido pelo arquiteto paisagista António Viana Barreto, no início dos anos 60, década da sua construção.
Desde então, a estrutura do parque sofreu pequenas alterações, como a criação de novos caminhos devido ao aumento de utilização como zona pedonal.
Este jardim público, situado na freguesia de São Julião, ocupando uma área de 42.531 metros quadrados, sofreu uma intervenção entre 1996 e 1998, que permitiu a instalação de rega automática e de novo imobiliário urbano, bem como a melhoria do sistema de drenagem, a recuperação da iluminação e dos pavimentos.
Relativamente ao material vegetal privilegiou-se a manutenção de todas as árvores e arbustos em bom estado vegetativo. Todos os relvados foram reinstalados. Como elemento vegetal singular referencia-se um exemplar de pinheiro buni (Araucária bidwilli).
No inventário do património arbóreo, iniciado em 2000, foram registadas 339 árvores pertencentes a 40 espécies diferentes. O elemento “água” marca presença de variadíssimas formas – do bebedouro à fonte, do lago à linha de água que ocorre ao longo dos caminhos. Este pulmão verde da cidade continua a ser o mais procurado pelos setubalenses.


0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010