Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Montijo debateu intervenção social com parceiros locais

Roda Livre já ajudou três mil pessoas no concelho 

Plateia cheia no seminário (Des) Construir a Comunidade promovido pelo Contrato Local de Desenvolvimento Social + Montijo – Roda Livre, no auditório da Galeria Municipal do Montijo. No final dos trabalhos, as conclusões apuradas "realçaram a carência de uma efetiva política de habitação social, a importância do reforço da rede social e da capacitação das instituições e elegeram a sustentabilidade e o trabalho em parceria como elementos determinantes no sucesso da construção de uma comunidade", diz a autarquia do Montijo. O Roda Livre é um projeto de intervenção social que procura combater a pobreza persistente. É financiado pelo Instituto da Segurança Social, promovido pela Câmara do Montijo, coordenado e gerido pelo Centro Social de S. Pedro do Afonsoeiro e executado em conjunto com a Associação para a Formação Profissional e Desenvolvimento do Montijo.
Montijo traçou metas para intervenção social no concelho 

O presidente da Câmara do Montijo fez um balanço muito positivo das “respostas dadas e dos resultados obtidos pelo Roda Livre. Foi com a intenção de garantir a dignidade humana e de criar uma resposta prioritária a problemas sociais pungentes que a câmara acolheu, junto com os parceiros, o Roda livre. Fica a certeza que o projeto afirmou novas formas de solidariedade e de resposta social na política social de proximidade que esta câmara municipal tem preconizado”, sublinhou Nuno Canta.
Balanço, igualmente, positivo pela presidente do Centro Social de São Pedro [entidade executora do Roda Livre] que realçou o envolvimento de mais de três mil pessoas no projeto, na área do emprego e formação mais de 1200 pessoas e 90 empresas da região, 20 pessoas foram integradas em emprego e estágios profissionais, 150 crianças envolvidas na área de intervenção familiar e parental.
Catarina Marcelino considerou, ainda, que em “momento de austeridade é importante abrir o debate, lançar a reflexão e ter a capacidade de fazer uma análise crítica” sobre os problemas da sociedade, realçando que projetos como o Roda Livre “têm sempre como primeiro objetivo servir e responder às necessidades das pessoas”, disse a presidente do Centro Social de São Pedro do Afonsoeiro
A diretora do Centro Distrital de Segurança Social felicitou as entidades envolvidas no Roda Livre por terem “conseguido alcançar estes resultados palpáveis para a melhoria das condições de vida da população mais frágil, aproveitando a sinergia entre parceiros”, destacou Ana Clara Birrento. 

Roda Livre é para continuar no Montijo 
 A sessão de abertura contou com a presença de Ana Clara Birrento, diretora do Centro de Segurança Social de Setúbal em representação do Ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, de Nuno Canta, presidente da Câmara do Montijo, de Catarina Marcelino, presidente do Centro Social de São Pedro do Afonsoeiro, e do Padre Lino Maia, presidente da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade.
Durante todo o dia, um conjunto diversificado de especialistas em matéria de intervenção social debateu as áreas de atuação do Roda Livre, particularmente, o emprego, a intervenção familiar e a capacitação das instituições e da comunidade. Entre outros, estiveram presentes o Alto-Comissário para as Migrações, Pedro Calado, e o ex-presidente do Instituto de Segurança Social, Edmundo Martinho.
No final dos trabalhos, as conclusões apuradas "realçaram a carência de uma efetiva política de habitação social, a importância do reforço da rede social e da capacitação das instituições e elegeram a sustentabilidade e o trabalho em parceria como elementos determinantes no sucesso da construção de uma comunidade", diz a autarquia do Montijo.
O Roda Livre é um projeto inovador de intervenção social que procura combater a pobreza persistente. É financiado pelo Instituto da Segurança Social, promovido pela Câmara do Montijo, coordenado e gerido pelo Centro Social de S. Pedro do Afonsoeiro e executado em conjunto com a Associação para a Formação Profissional e Desenvolvimento do Montijo.
O Centro Social de São Pedro do Afonsoeiro já assumiu, publicamente, o compromisso de continuar a executar o Roda Livre após o término do seu prazo de execução em Junho de 2015.

Agência de Notícias

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010