Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 6 de maio de 2020

Rede solidária cria Montijo a dar tudo

Todos juntos para ajudar a cidade e o concelho em tempo de pandemia 

A Banda Democrática 2 de Janeiro, A Quadrada e a Somos Peixinho uniram-se e criaram o movimento solidário e voluntário "Montijo a dar tudo", que tem em curso uma campanha de angariação de donativos para entrega de bens essenciais, uma vez por mês, às famílias vulneráveis do território da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro. Um movimento, dizem os organizadores, "onde cabem e devem estar todos os montijenses, tendo como objetivo primordial dar resposta a quem mais precisa, apoiando um número significativo de famílias vulneráveis do Montijo com donativos todos os meses".  Por outro lado, a autarquia aprovou, por unanimidade, os apoios financeiros excecionais ao movimento associativo desportivo e cultural do Montijo, uma das medidas municipais de estímulo económico em resposta à pandemia. Ao todo 33 mil euros distribuídos por 28 associações.  
Associações unem-se na ajuda 

A Câmara do Montijo é parceira do "Montijo a dar tudo" porque, explica a autarquia em comunicado, "acreditamos que a união de todos é fundamental para ultrapassarmos os momentos difíceis que estamos a viver".
No passado dia 28 de Abril, o presidente da câmara, Nuno Canta, reuniu com os responsáveis do movimento, tendo assegurado que a autarquia está disponível para os apoios necessários a este movimento solidário, esperando que "a iniciativa possa ser reproduzida nas restantes freguesias do concelho".
A campanha de angariação de donativos é exclusivamente em géneros (os produtos devem ter uma validade nunca inferior a 20 dias), não sendo aceites doações monetárias. Sociedade civil, empresas e comércio tradicional vão ser preponderantes para transformar a curto prazo a doação mensal auto-sustentável com o apoio e mobilização de toda a comunidade.
O local para receber as doações são as instalações da Banda Democrática 2 de Janeiro. O atendimento será no hall de entrada (com o pavilhão disponível sempre que se justificar), às segundas, quartas e sextas das 17 às 19h30 e Sábados das 11 às 13 horas.
Saiba mais em https://www.facebook.com/montijoadartudo/

Linha financeira excecional apoia o movimento associativo
Na última reunião da Câmara do Montijo foram aprovados, por unanimidade, os apoios financeiros excecionais ao movimento associativo desportivo e cultural do Montijo, uma das medidas municipais de estímulo económico em resposta à covid-19.
"São 33 mil euros que vão ser atribuídos a 28 associações do concelho, que têm prática cultural e desportiva regular. No total, foram rececionadas 34 candidaturas", diz a autarquia.
Vão receber este apoio financeiro excecional as seguintes entidades: Sociedade Filarmónica 1.º de Dezembro, Ginásio Clube do Montijo, Academia Desportiva Infantil e Juvenil Bairro Miranda, Clube Olímpico do Montijo, Banda Democrática 2 de Janeiro, Associação para a Formação e Desenvolvimento Desportivo, União Futebol Clube Jardiense, Grupo de Cicloturismo do Afonsoeiro, Associação Náutica Montijense, Academia Musical União e Trabalho, Associação Batucando, Estrela Futebol Clube Afonsoeirense, “Os Unidos” e A.R.D “Bons Amigos”.
Entre as associações que viram aprovadas as suas candidaturas estão, também, o Montijo Basket Associação, Clube de Natação do Montijo, Associação Karate Caminho Ancestral, Rancho Folclórico Juventude Atalaiense, Clube de Judo do Montijo, Clube de Ténis do Montijo, Areias Strong Montijo, Grupo Coral do Montijo, Amodin-Associação Desportiva Nacional, Ateneu Popular do Montijo, Águias Negras Futebol Clube, Associação Gymno-Desportiva do Montijo, APADE – Associação para as Artes, Desporto e Educação e Casa do Benfica do Montijo.
"Monetariamente, os apoios variam entre os 600 e os 1800 euros, correspondendo a 200 euros por mês (meses de Abril, Maio e Junho) por cada modalidade praticada de forma regular no clube, até ao máximo de três modalidades", informa a autarquia.
A medida procura "aumentar a escala de apoios face ao surto do novo coronavírus e responder aos constrangimentos enfrentados pelo movimento associativo, que é fundamental para a oferta cultural e desportiva do concelho, contribuindo para a coesão social e territorial do Montijo", diz o documento.
Tendo-se verificado a suspensão generalizada da atividade do movimento associativo cultural e desportivo, procura-se assim "contribuir para, quando a atividade normal for retomada, as associações possam continuar a desenvolver os seus projetos e planos de atividade com os mesmos níveis de qualidade e de projeção, dentro e fora do concelho", conclui a Câmara Municipal. 

Agência de Notícias com Câmara do Montijo 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010