Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 28 de maio de 2020

Estacionamento pago regressa a Setúbal na segunda-feira

Municipes voltam a pagar parquímetro a partir de 1 de Junho  

A Câmara de Setúbal vai retomar no dia 1 de Junho a cobrança de estacionamento tarifado, que tinha sido suspensa em 17 de Março, no âmbito das medidas sanitárias de contenção da covid-19, anunciou a autarquia. "A normalidade do serviço é retomada na próxima segunda-feira, com a reposição dos serviços de fiscalização e a aplicação das tarifas ou taxas associadas às respetivas zonas de estacionamento", refere uma nota de imprensa da autarquia sadina. A cidade de Setúbal teve um crescimento, nas últimas 24 horas, de sete novos casos de do novo coronavírus. No concelho há registo de 97 casos. No fim deste mês reabrem as igrejas e no primeiro dia de Junho abrem todas as creches e jardins de infância e os grandes centros comerciais do país. 
Tarifas obrigatórias voltam à rotina normal 

O estacionamento tarifado na cidade, que se encontrava suspenso desde 17 de Março no âmbito das medidas sanitárias de contenção da covid-19, é reposto a 1 de Junho em toda a cidade.
Na próxima segunda-feira o pagamento de estacionamento e a fiscalização das zonas de estacionamento com duração limitada voltam à cidade de Setúbal. A Câmara Municipal suspendeu estas tarifas a 17 de Março, no âmbito de um conjunto de medidas restritivas no combate à pandemia covid-19 mas, na segunda fase do desconfinamento e regresso à normalidade, o pagamento de estacionamento está entre as medidas que voltam a vigorar.
Segundo a Câmara de Setúbal, "a limpeza dos parquímetros é garantida pela empresa concessionária do estacionamento tarifado em Setúbal, de acordo com as normas definidas pela Direção-Geral da Saúde para a desinfeção de equipamentos em espaço público".
Portugal contabiliza 1.342 mortos associados à covid-19 em 31.007 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim diário da Direção-Geral da Saúde sobre a pandemia divulgado na terça-feira. A cidade de Setúbal teve um crescimento, nas últimas 24 horas, de sete novos casos de do novo coronavírus. No concelho há registo de 97 casos.
No país, o número de pessoas hospitalizadas baixou de 531 para 513, das quais 71 se encontram em unidades de cuidados intensivos (menos uma). O número de doentes recuperados é de 18 mil e 96 pessoas.
Portugal entrou no dia 3 de Maio em situação de calamidade devido à pandemia, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de Março.
Esta nova fase de combate à covid-19 prevê o confinamento obrigatório para pessoas doentes e em vigilância ativa, o dever geral de recolhimento domiciliário e o uso obrigatório de máscaras ou viseiras em transportes públicos, serviços de atendimento ao público, escolas e estabelecimentos comerciais.
O Governo aprovou novas medidas que entraram em vigor no dia 18 de Maio, entre as quais a retoma das visitas aos utentes dos lares de idosos, a reabertura das creches, aulas presenciais para os 11.º e 12.º anos e a reabertura de algumas lojas de rua, cafés, restaurantes, museus, monumentos e palácios.
O regresso das cerimónias religiosas comunitárias está previsto para 30 de Maio e a abertura da época balnear para 06 de Junho. A 1 de Junho abrem todas as creches e jardins de infância e todos os grandes centros comerciais do país.

Agência de Notícias

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010