Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 29 de abril de 2020

​Barco da Soflusa encalha à saída do Barreiro

68 pessoas estiveram "presas" numa praia do Tejo esta tarde

Um barco com mais de 60 passageiros a bordo, que fazia a ligação entre o Barreiro e a capital portuguesa, esteve encalhado no Tejo, no canal do Barreiro. O incidente aconteceu quando a embarcação se deslocava para Lisboa. Por razões que ainda estão por apurar, o barco saiu fora do canal de navegação. Contudo, de acordo com as autoridades marítimas, a maré estava muito baixa na altura do sucedido. Apesar do susto, o comandante da Polícia Marítima, Coelho Gil, garantiu que os passageiros não correram perigo e voltaram ao cais do Barreiro. 
Gil Vicente já está em porto seguro 

Um barco da Soflusa com 68 passageiros a bordo encalhou esta quarta-feira, ao início da tarde, na praia, à saída do Barreiro.
"Todos os passageiros foram desembarcados, em segurança, por volta das 15h30", avança a empresa, em comunicado.
"Foi iniciada, com toda a brevidade possível, uma operação de transbordo, com recurso a outro navio. Contudo, a subida da maré permitiu desencalhar o catamarã “Gil Vicente”, que regressou pelos seus próprios meios ao terminal fluvial do Barreiro", adianta a nota.
Segundo fonte oficial da Transtejo/Soflusa, responsável pelas ligações entre Lisboa a margem sul, o acidente ocorreu cerca das 13 horas com o barco que ia para Lisboa.
"O catamarã “Gil Vicente”, que partiu às 12h55 horas do Barreiro, com destino ao Terreiro do Paço, encalhou pouco minutos depois da partida", refere a empresa.
Não há passageiros feridos e todas as questões de segurança foram garantidas.
Por enquanto não se sabe qual foi a origem deste acidente. A Transtejo/Soflusa está a apurar as causas.

Agência de Notícias 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010