Dá um Gosto ao ADN

domingo, 28 de outubro de 2018

Um morto em atropelamento em Pinhal Novo

Jovem com 20 anos morreu atropelado na Estrada Nacional 252

Um homem morreu após ser atropelado na estrada nacional 252 no Pinhal Novo, disseram fontes do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Setúbal e dos bombeiros locais. A vítima foi assistida no local pelos Bombeiros de Pinhal Novo e pela viatura médica do hospital do Barreiro, mas acabou por falecer no local do acidente”, refere a corporação numa mensagem na rede social Facebook. Fonte do CDOS de Setúbal confirmou que a vítima mortal é um homem e que mais duas pessoas foram assistidas no local. “Além da assistência à vítima de atropelamento, foram ainda assistidas duas vítimas no local do acidente por doença súbita. Tratou-se da mãe da vítima mortal e do condutor da carrinha envolvida no atropelamento”, afirmou.
Acidente ocorreu na passada sexta-feira 

Cláudio Miguel Caçoete, saiu à rua para despejar o lixo, atravessou a estrada nacional, para aceder ao contentor, e, no regresso, não viu uma carrinha que o colheu mortalmente. O acidente aconteceu à saída do Pinhal Novo, em direcão ao Montijo, antes do acesso que liga à auto-estrada.
A mãe do jovem, que se encontrava à frente da casa, assistiu ao trágico acidente que vitimou o filho, ficou em estado de choque e teve de ser também assistida, por doença súbita. O condutor da carrinha foi igualmente assistido.
“Além da assistência à vítima de atropelamento, foram ainda assistidas duas vítimas no local do acidente por doença súbita. Tratou-se da mãe da vítima mortal e do condutor da carrinha envolvida no atropelamento”, disse fonte do CDOS de Setúbal à agência Lusa.
Ao que foi possível apurar, o jovem tinha saído de casa para despejar o lixo nos caixotes do outro lado da estrada e, quando regressava, fora da passadeira, foi colhido por uma carrinha Ford Transit.
O alerta foi dado às 13h09 horas de sexta-feira e ao local acorreram bombeiros do Pinhal Novo, com cinco veículos e 12 elementos, bem como a VMER do Hospital do Barreiro e a GNR, que vai apurar agora os contornos do acidente.
A mãe da vítima, que assistiu ao embate, teve necessidade de ser assistida no hospital, bem como o condutor do veículo, homem com cerca de 50 anos, que às autoridades disse estar em pânico.
Cláudio Miguel Caçoete tem sido recordado nas redes sociais como aficionado que era pela festa brava. “Um dos mais destemidos recortadores das ruas do Ribatejo. Toureiro de rua”. Foi também atleta nas camadas jovens do CD Pinhalnovense.
No local estiveram elementos dos bombeiros do Pinhal Novo, a Viatura Médica de Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do hospital do Barreiro e a GNR, que tomou conta da ocorrência.

Agência de Notícias
Foto: Bombeiros do Pinhal Novo 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010