Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Tradição marítima une Setúbal e Tróia

Festas de Nossa Senhora do Rosário de Tróia arrancam no sábado 

Um tríduo, um concurso de barcos engalanados, um círio fluvial a ligar as duas margens do rio Sado e noites com animação marcam as Festas de Nossa Senhora do Rosário de Tróia, que se realizam entre os dias 20 e 22 de Agosto em Tróia e em Setúbal. As festas anuais que ligam as duas margens do Sado, organizadas por uma comissão própria, com diversos apoios, incluindo Câmara de Setúbal, juntas de freguesia de São Sebastião e do Sado e União de Freguesias de Setúbal, foram antecedidas de um tríduo em honra de Nossa Senhora do Rosário de Tróia, entre quarta e sexta-feira, às 21h30, na Igreja de São Sebastião.
Festas unem as duas margens do Sado 

O arranque dos festejos, a 20 de Agosto, é feito com uma alvorada em Setúbal, às oito da manhã, a que se segue uma missa por alma dos marítimos falecidos, na Igreja de São Sebastião, às 15 horas.
Uma hora depois, há uma procissão que sai da igreja em direção à capela da Península de Troia, para transporte fluvial da imagem da Senhora do Rosário, com acompanhamento da banda da Sociedade Musical Capricho Setubalense e da Charanga de Sarilhos Grandes.
A fechar o dia, às 21h30, já em Troia, onde os participantes permanecem até 22 de Agosto, acontece uma procissão de velas pela praia e baile com André Patrão.
O início do dia seguinte é, uma vez mais, marcado com uma alvorada, às oito horas, com foguetes lançados a partir de Tróia. Às 10h30, celebra-se uma missa, seguida de nova procissão pelo areal, acompanhada pela Charanga de Sarilhos Grandes.
A partir das 16 horas, estão previstos divertimentos na praia e, uma hora mais tarde, ocorre o habitual concurso de barcos engalanados. À noite, a partir das 22 horas, é a vez de Luís Rosa musicar um baile, enquanto à meia-noite há um espetáculo de fogo de artificio.
O dia 22, de encerramento das festividades de Nossa Senhora do Rosário de Tróia, conta com uma missa por alma dos marítimos falecidos e seus familiares, às 10 da manhã. A partir das 11  horas, há divertimentos na praia e, às 11h30, são entregues os prémios do concurso de barcos engalanados.
O retorno de Tróia a Setúbal, em círio com dezenas de embarcações engalanadas, com partida prevista para as 17h30, constitui o ponto alto das festividades em honra dos marítimos.
Como habitual, milhares de pessoas devem juntar-se na frente ribeirinha de Setúbal a aguardar o regresso dos barcos neste cortejo fluvial que transporta a imagem de Nossa Senhora do Rosário de Tróia de regresso à Igreja de São Sebastião, na cidade de Setúbal.


0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010