Dá um Gosto ao ADN

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Mais arte nas ruas e nos muros de Sesimbra

O peixe tem tomado conta das ruas, janelas e portas da vila 

O mural Águas Tormentas, da autoria de Mário Santos e Ricardo Delaunay, foi o grande vencedor da 4.ª fase do Sesimbra é Peixe e Arte na Rua, que contou com a participação de dez trabalhos. Para além deste prémio, atribuído pelo júri do projeto, foram ainda distinguidas as pinturas When the Land Meets the Sea, do sesimbrense João Cruz, a mais votada pelo público no site Sesimbra é Peixe, e Bailado de Escamas, de Teresa Robalo, na categoria interpares. A cerimónia de entrega de prémios decorreu no Posto de Turismo de Sesimbra.

Arte saiu para as ruas de Sesimbra em forma de peixe

Mário Santos, que venceu o prémio pelo segundo ano consecutivo, mostrou-se bastante satisfeito com o resultado da obra. "Acho que correu muito bem. Nós já estamos habituados a trabalhar em conjunto, o que tornou tudo mais fácil".
Em relação à pintura, que ocupa parte do muro do Bairro dos Pescadores, com cerca de 60 metros de comprimento, o artista contou que "está relacionada com o mar e com as tormentas pelas quais os pescadores passam". 
Mário Santos recordou a relação que os artistas estabeleceram com os residentes. "Os moradores do bairro, a sua maioria pescadores, interagiram muito connosco, e foi engraçado saber histórias e mais informações sobre o barco e os peixes que estávamos a pintar".
Teresa Robalo, que participou pela primeira vez, achou divertida a proximidade com os residentes. "Estiveram sempre a acompanhar-nos e até nos ajudaram", revelou a jovem artista, que pintou parte da Rua Entre Muros, decorada também pelo seu irmão, João Vasco, com o trabalho Apneia. Teresa confessou ter ficado "muito contente e surpresa" com o prémio. "É muito bom que exista esta abertura dos concelhos para este tipo de projetos. Acho que são uma maneira diferente de embelezar as ruas", frisou Teresa Robalo.
"É visível o crescimento do projeto e a aceitação das pessoas na rua também tem aumentado", garantiu a sesimbrense Sara Trindade, que participou em todas as fases. "A desconfiança inicial de quem passava tem dado lugar a uma interação positiva". A artista destacou ainda a diversidade dos trabalhos: "Somos todos muito diferentes, e isso também se revelou nesta votação. Venceram três trabalhos muito distintos. Acho que a riqueza do projeto também passa por aqui".
Valorizar a paisagem urbana da vila e enaltecer os fatores históricos, culturais, étnicos e ambientais ligados à pesca e à comunidade sesimbrense são os principais objetivos do projeto, que nasceu em 2014, integrado na campanha Sesimbra é Peixe. Ao longo das quatro edições foram decoradas perto de 50 portas, janelas, muros e paredes da vila de Sesimbra.
"O Sesimbra é Peixe e Arte na Rua tem conquistado moradores e visitantes, transformando-se em mais um atrativo turístico da vila", diz a autarquia de Sesimbra em nota enviada ao ADN. 
O Posto de Turismo de Sesimbra, na Fortaleza de Santiago, disponibiliza um folheto informativo com os vários trabalhos, autores e localizações.
Conheça aqui os trabalhos da 4ª edição. 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010