Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Setúbal é a capital do desporto este ano

Cidade desportiva revela programa de qualidade 

A realização de uma prova de qualificação olímpica de natação em águas abertas e de uma etapa da Volta a Portugal em bicicleta são eventos em destaque no programa de Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016, com duas centenas de eventos. As linhas gerais do calendário desportivo a realizar ao longo do ano, com atividades todos os meses, sem exceção, foram dadas a conhecer ontem de manhã em conferência de imprensa realizada no Salão Nobre dos Paços do Concelho. “Este é o pontapé de saída daquilo que é um grande programa”, sublinhou a presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira. “É um ano inteiro de desporto popular, de desporto em grandes competições, e de desporto pelo prazer da participação”. 
Setúbal recebe melhores nadadores de águas abertas do mundo 


O programa oficial tem já perto de duas centenas de ações confirmadas, em que se incluem 82 provas desportivas. Cinquenta e quatro das ações são dinamizadas no espírito do Desporto para Todos, 36 na vertente de Conhecimento e Qualificação e 18 na área de Desporto e Cultura.
Setúbal, reforçou a presidente da Câmara, é a “primeira capital de distrito portuguesa” a alcançar o estatuto de Cidade Europeia do Desporto, reconhecimento feito à cidade sadina pela ACES Europe – Associação das Capitais e Cidades Europeias do Desporto, juntamente com outras 18 cidades europeias.
“A Câmara de Setúbal, para aqui chegar, assumiu, nos últimos anos, um papel decisivo na criação de condições que permitem à generalidade dos cidadãos o acesso a formas qualificadas de desporto” e cuja base assenta no movimento associativo, disse Maria das Dores Meira.
A esta estratégia municipal, reforçou a presidente da autarquia, acresce a aposta “no aumento dos níveis de participação e frequência nas atividades desportivas com segurança e enquadramento técnico de qualidade, apoiados por uma rede de equipamentos de excelência”.
A autarca setubalense assinalou, igualmente, que a política de desenvolvimento desportivo municipal é “sustentada na forte dinâmica do movimento associativo local e regional de forma transversal, na qual se incluem áreas como a inclusão e as questões da igualdade do género ou a promoção da saúde e o alto rendimento”.
O título de Cidade Europeia do Desporto 2016 constitui, também, um “forte pretexto para apostar no reforço de iniciativas e dar continuidade à aposta na promoção da saúde pela prática da atividade física e desportiva”, destacou a autarca, que apontou as potencialidades naturais do concelho para a prática desportiva formal e informal.

Natação olímpica e Volta a Portugal são destaques no programa 
Pelotão da Volta a Portugal chega a Setúbal 40 anos depois 
Em destaque no programa de atividades de Setúbal Cidade Europeia do Desporto está a FINA Marathon Olympic Games Qualification Tournament 2016, a 11 e 12 de Junho, a partir do Parque Urbano de Albarquel, prova de natação em águas abertas, única em Portugal de qualificação para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no Brasil, em 2017.
O regresso a Setúbal, mais de quarenta anos depois, de uma etapa da Volta a Portugal em Bicicleta, é outro dos eventos assegurados no âmbito do programa desportivo. A prova de ciclismo, agendada para 6 de Agosto, inclui um percurso por Setúbal, por Azeitão e pelo Parque Natural da Arrábida.
A realização de dois torneios internacionais de golfe, assim como o Campeonato da Europa de Biatle & Triatle, a Alegro Meia Maratona de Setúbal e o Dura Trail Internacional de Setúbal são outros eventos de relevo no calendário desportivo que conta, para já, com perto de duas centenas de atividades.
Entre a panóplia de eventos desportivos programados ao longo do ano, perto de uma centena são de dimensão nacional, enquanto 28 destacam-se no campo internacional. Há ainda a contabilizar 43 atividades desportivas com características distritais e 46 de âmbito local.
Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016 não é feita apenas de eventos de alta competição. O programa engloba iniciativas no âmbito do Desporto para Todos, direcionadas a pessoas com deficiências e outras para a comunidade escolar e de participação popular.
Além do desporto, com eventos em equipamentos urbanos, no rio Sado e na Serra da Arrábida, o estatuto alcançado este ano integra um vasto conjunto de atividades nas vertentes do lazer e da formação, assim como na cultura, como ciclos de cinema e exposições.
Festa arranca a 30 de Janeiro 
“Mais do que um aglomerado de eventos, o programa de Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016, concebido com entusiasmo e motivação, e no qual é refletida a identidade setubalense, é feito numa visão estratégica que aposta no desenvolvimento”, vincou o vereador do Desporto na Autarquia, Pedro Pina.
O autarca, que anunciou a realização em Setúbal, durante este ano, “de três grandes eventos da Federação Portuguesa de Futebol”, afirmou que o programa desportivo apresentado “é inclusivo e constitui um exercício de participação cívica”, nomeadamente através do voluntariado, já com mais de uma centena de jovens inscritos.
O diretor do Departamento de Cultura, Educação e Desporto da Autarquia, Luís Liberato, esclareceu que o programa desportivo de Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016 “é dinâmico”, pelo que é “natural que ao longo do ano mais iniciativas se juntem ao calendário”.
Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016 começa oficialmente no dia 30 de Janeiro, com uma sessão de abertura às 21 horas, no Pavilhão Municipal das Manteigadas, momento que inclui um período de alocuções, assim como demonstrações e um desfile de associações, clubes e coletividades em variadas modalidades.
Neste dia, para assinalar o início do calendário desportivo, há uma maratona de atividades, com dez horas de programação e prática física numa dezena de locais distintos do concelho, numa fusão do desporto com diferentes formas de espetáculo. Antes, entre os dias 27 e 30, há um torneio internacional de golfe.
“Setúbal Cidade Europeia do Desporto começa em 2016 mas queremos que fique para sempre”, salientou Maria das Dores Meira. Para isso, o estatuto reconhecido durante este ano é também pretexto para “ampliar, ainda mais, a oferta desportiva e para melhorar as condições de prática do desporto no concelho”.

Agência de Notícias

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010