Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

BE quer novo Centro de Saúde na Baixa da Banheira

Administração Regional de Saúde confirma necessidade de novo centro de Saúde 

A necessidade de um novo centro de Saúde na freguesia da Baixa da Banheira, na Moita, é uma prioridade reconhecida por todos. À um mês um ofício da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, confirma "a necessidade de construção desta nova unidade de saúde para a Baixa da Banheira", acrescentando que esta irá melhorar a "acessibilidade dos utentes e as condições de trabalho dos profissionais de saúde". No entanto, nada é dito em relação ao início da construção daquele equipamento de saúde. Na falta de respostas, o grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda exige que o Governo [em particular o ministro da Saúde] explique a calendarização daquela obra. O BE quer saber ainda "quantos médicos são necessários para que todos os utentes do Centro de Saúde da Baixa da Banheira tenham médico de família". Paulo Macedo, ministro da Saúde, tem agora a palavra para responder às questões levantadas pelos deputados do BE. 

BE defende novo centro de Saúde na Baixa da Banheira 

Há muito que a população da Baixa da Banheira, que ascende às 21 mil pessoas, reivindica a construção de um novo edifício para o seu centro de saúde. Finalmente, um ofício da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, datado de 10 de Setembro de 2014, confirma "a necessidade de construção desta nova unidade de saúde para a Baixa da Banheira", acrescentando que esta irá melhorar a "acessibilidade dos utentes e as condições de trabalho dos profissionais de saúde", diz fonte do Bloco de Esquerda ao ADN. 
No entanto, denuncia o BE, "nada é referido quando à concretização deste projeto, designadamente, quando vão iniciar-se as obras para construção do novo Centro de Saúde da Baixa da Banheira ou quando se prevê que as mesmas estejam concluídas".
O Bloco de Esquerda considera essencial que "esta população possa aceder aos cuidados de saúde de proximidade de que necessita e aos quais tem direito, como tal, é necessário aferir quando vai ser disponibilizado este centro de saúde à população da Baixa da Banheira".
À falta de respostas, o grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda na Assembleia da República, questionou o ministro da Saúde, Paulo Macedo. Os bloquistas querem saber se "o Governo confirma que vai - e onde vai - ser construído um novo Centro de Saúde na Baixa da Banheira". 
O BE pergunta ainda para quando "se prevê que sejam iniciadas as obras de construção do novo Centro de Saúde da Baixa da Banheira. E quando se prevê a sua conclusão". Os parlamentares do BE querem ainda saber, "quantos médicos são necessários para que todos os utentes do Centro de Saúde da Baixa da Banheira tenham médico de família". Paulo Macedo, Ministro da Saúde, tem agora a palavra para responder às questões levantadas pelos deputados João Semedo e Mariana Aiveca. 
O Centro de Saúde da Baixa da Banheira integra o Agrupamento de Centros de Saúde Arco Ribeirinho conjuntamente com as Unidades de Recursos Assistenciais Partilhados de Alcochete, Baixa da Banheira, Barreiro, Moita, Montijo e Quinta da Lomba e com os Centros de Saúde do Montijo, Moita, Alcochete, Quinta da Lomba e Barreiro.
O Centro de Saúde da Baixa da Banheira tem como unidades funcionais o Centro de Diagnóstico Pneumológico, a Unidade de Saúde Familiar ‘Querer Mais’, a Unidade de Cuidados na Comunidade ‘A Saúde na Rua’ e a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados da Baixa da Banheira.

Agência de Notícias

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010