Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

12 mil pessoas sem médico na Baixa da Banheira

Câmara da Moita quer mais médicos na Baixa da Banheira  

Os mais de 12 mil utentes sem médico de família na Baixa da Banheira, concelho da Moita, é um dos mais complicados problemas da freguesia a nível de saúde. O número foi divulgado pela autarquia da Moita no âmbito do “Roteiro de Saúde”, organizado pelo município.  

Câmara da Moita quer mais profissionais de saúde na Baixa da Banheira 
Uma delegação da autarquia composta pelo presidente, Rui Garcia, e pela vereadora com o pelouro da Ação Social, Vivina Nunes, acompanharam o presidente da União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira, Nuno Cavaco, numa visita à s instalações do Centro de Saúde da Baixa da Banheira.
Por outro lado, Rui Garcia, confirmando uma situação que se alastrou a outras freguesias do concelho, assumiu “como urgente e inadiável” a necessidade de “colocação de mais médicos de família, de enfermeiros e de pessoal administrativo” naquele Centro de Saúde.
De acordo com o presidente da autarquia da Moita, “a resolução desta situação torna-se mais premente, se tivermos em conta o facto de existirem cerca de 12 mil utentes sem médico de família nesta freguesia, além de se ter concentrado o serviço de atendimento complementar (vulgo urgência) de todo o concelho, apenas para o período do fim de semana, nas instalações de saúde da Baixa da Banheira”, diz Rui Garcia.
Nas próximas semanas, prosseguem as visitas aos centros de saúde do concelho, bem como outros contactos com o sector da saúde, em defesa do Serviço Nacional de Saúde e do bem-estar das populações do Município da Moita.

Agência de Notícias
Leia outras notícias do dia em www.adn-agenciadenoticias.com 



0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010