Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 23 de abril de 2020

Escolas de Setúbal criam plano de ensino à distância

Pandemia colocou às escolas e às famílias novos desafios 

As escolas de Setúbal estão a desenvolver planos de ensino à distância adaptados às diferentes realidades e contextos familiares dos alunos, no seguimento da suspensão das atividades letivas presenciais devido à crise sanitária atual. No concelho de Setúbal, um grupo alargado de pessoas ligadas à educação "asseguram um contacto regular com os seus alunos e as famílias através da disponibilização de planos de trabalho semanais e quinzenais e de materiais pedagógicos". Estas novas medidas de ensino não presencial, explica a autarquia sadina, "apostam na promoção das aprendizagens possíveis, procurando manter o papel da escola de educar para o entendimento do mundo". 
Os novos desafios do ensino à distância 

No contexto atual de encerramento das escolas devido à pandemia da covid-19, foram colocados às escolas e às famílias novos desafios e necessidades de adaptação a uma nova realidade para que a ligação à escola não seja corrompida.
Com as escolas fechadas e as atividades letivas presenciais suspensas desde Março, o terceiro período letivo arrancou com a maioria dos alunos a estudar à distância, num modelo de ensino novo para a maioria das famílias.
Os agrupamentos de escolas e estabelecimentos não agrupados do concelho elaboraram planos de ensino à distância baseados nos princípios orientadores do Ministério da Educação, que visam, como objetivo principal, garantir que o maior número de crianças, alunos e formandos continuem a aprendizagem durante o contexto social atual.
"Os planos de ensino elaborados pelas escolas do concelho apostam no uso de meios tecnológicos à distância e em medidas de proximidade adaptadas às diferentes realidades e contextos familiares, assegurando a sua flexibilidade, a inclusão de alunos e famílias e a rentabilização dos recursos a que têm acesso", diz a autarquia.
Educadores, professores titulares, diretores de turma, professores de educação especial, professores do apoio tutorial específico, professores bibliotecários e psicólogos asseguram um contacto regular com os seus alunos e as famílias através da disponibilização de planos de trabalho semanais e quinzenais e de materiais pedagógicos.
"Estes materiais pedagógicos têm por base manuais escolares, guiões e fichas de trabalho e recursos digitais e são complementados pela telescola Escola TV, no caso dos alunos do 1.º ao 9.º ano, em estudoemcasa.dge.mec.pt", diz a Câmara de Setúbal.
Aos alunos que em casa têm acesso a equipamento informático e internet realizam-se sessões síncronas e assíncronas através de diversas plataformas online.
Foram também constituídas equipas, refere a autarquia, "para apoiar e acompanhar a implementação destes planos, nomeadamente equipas de apoio tecnológico, equipa de monitorização e avaliação da implementação do plano".
Informações sobre o Plano de Ensino à Distância desenvolvido pelos agrupamentos de escolas e escolas não agrupadas do concelho de Setúbal podem ser consultadas nos sites das escolas respetivas.

Agrupamento de Escolas de Azeitão
Agrupamento de Escolas Ordem de Sant’Iago
Agrupamento de Escolas Sebastião da Gama
Agrupamento de Escolas Lima de Freitas
Agrupamento de Escolas Luísa Todi
Agrupamento de Escolas Barbosa du Bocage
Escola Secundária du Bocage
Escola Secundária Dom Manuel Martins
Escola Secundária D. João II

Agência de Notícias com Câmara de Setúbal 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010