Dá um Gosto ao ADN

segunda-feira, 30 de março de 2020

Grândola reforça apoio a 600 idosos no concelho

Autarquia quer "minimizar os efeitos do isolamento". Concelho tem seis casos confirmados 

A Câmara de Grândola está a monitorizar semanalmente cerca de 600 idosos de todo o concelho, sobretudo nas localidades mais afastadas. O objetivo desta tarefa social é "apurar quais as carências mais prementes desta faixa da população e, em simultâneo, minimizar os efeitos do isolamento", diz a autarquia. Segundo o último relatório da Direção-Geral da Saúde,[neste domingo], Grândola, a par de Santiago do Cacém, é o segundo concelho do Alentejo com mais infetados, contabilizando seis casos confirmados. Com a ajuda dos donos da Comporta, o Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém, vai ter um novo equipamento de RX portátil, anunciou a Câmara de Grândola. O hospital serve o concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém, Sines e ainda o município de Odemira, no distrito de Beja. 
Grândola quer ajudar pessoas mais isoladas 

Na primeira semana deste novo serviço municipal, denominado Grândola mais Solidária, a linha sénior registou 25 chamadas. Foram entregues bens alimentares a oito pessoas e medicamentos a 15.
Nos contactos telefónicos, efetuados pelos técnicos municipais, é aferida a necessidade de bens ou medicamentos, propostas pequenas atividades físicas de modo a que os idosos não percam a mobilidade e prestado apoio emocional fundamental para a redução da ansiedade, solidão e frustração e angústia.
Todas as situações que a equipa municipal considere passíveis de intervenção são encaminhadas para os serviços de psicologia.
Segundo o último relatório da DGS Grândola era o segundo concelho do Alentejo com mais infetados, contabilizando 6 casos confirmados. A câmara municipal em relação a situações que considere necessária uma intervenção mais específica a nível emocional, irá encaminhar esses casos para a psicologia para ser feito o devido acompanhamento psicológico.
Segundo o último relatório da Direção-Geral da Saúde, Grândola, a par de Santiago do Cacém, é o segundo concelho do Alentejo com mais infetados, contabilizando seis casos confirmados. Sines, também no litoral alentejano, conta com quatro doentes convid-19.
"A câmara municipal em relação a situações que considere necessária uma intervenção mais específica a nível emocional, irá encaminhar esses casos para a psicologia para ser feito o devido acompanhamento psicológico". 

Donos da Comporta oferecem material ao Hospital 
Com a ajuda dos donos da Comporta, o Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém, vai ter um novo equipamento de RX portátil, anunciou a Câmara de Grândola. 
“No âmbito da pandemia covid-19, a Câmara de Grândola tem estabelecido diversos contactos com investidores do concelho, de forma a conseguir apoios para reforçar os serviços de saúde do concelho e da região. 
Em resposta a este apelo, a empresa Vanguard Properties respondeu positivamente e disponibilizou-se para oferecer ao Hospital do Litoral Alentejano um moderno e eficiente equipamento de RX portátil (com um valor superior a 80 mil euros)”, comunicou a autarquia. 
Trata-se de um “equipamento de grande importância”, que permitirá reforçar a resposta daquela unidade de saúde, que serve toda a região. “O equipamento será entregue nos próximos dias, para grande satisfação do Município e do Hospital do Litoral Alentejano”, acrescenta a autarquia.
O hospital serve o concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém, Sines e ainda o município de Odemira, no distrito de Beja.

Agência de Notícias 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010