Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Festival de Dança de Almada começa sábado

"Reflexão sobre o tempo" abre Quinzena de Dança a 21 de Setembro 

O festival Quinzena de Dança de Almada começa em 21 de Setembro com a peça "TTTTTT (Time Takes The Time Time Takes)", uma "reflexão sobre o tempo", dos espanhóis Guy Nader e Maria Campos. São considerados "uma das mais interessantes companhias contemporâneas do país vizinho" e vão atuar no Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, pelas 21h30, desse sábado, segundo a Companhia de Dança de Almada, que organiza o evento. Criado em 1992, o festival promete oferecer ao público "o melhor que se faz pelo mundo em dança contemporânea", estendendo-se até 10 de Outubro, em Almada, com espetáculos e atividades relacionadas com dança, como 'workshops', exposições, encontros ou vídeo-dança.
Dança invade Almada em Setembro e Outubro 


"O espetáculo consiste numa conversa física e dinâmica baseada na repetição coreográfica e tendo como `leitmotiv` o movimento pendular: o mesmo movimento dos mecanismos que medem tempo e espaço", adiantou o Teatro Joaquim Benite, em comunicado.
Os espectadores serão, assim, convidados a entrar numa "verdadeira viagem oscilatória, que proporciona vários encontros em direção a um movimento perpétuo", ou seja, uma "roda mecânica que toma o tempo como um contínuo", explicou a mesma nota.
Esta reflexão sobre o tempo resulta do encontro, em 2006, entre o libanês Guy Nader e a catalã Maria Campos, que formaram juntos uma companhia e já apresentaram espetáculos juntos em várias salas e festivais de todo o mundo.
Desta vez passam pela sala principal do Teatro Municipal Joaquim Benite, pelas 21h30, o que marca o início da 27.ª Quinzena da Dança de Almada.
Criado em 1992, pela Companhia de Dança de Almada, o festival promete oferecer ao público "o melhor que se faz pelo mundo em dança contemporânea", estendendo-se até 10 de Outubro, em Almada, com espetáculos e atividades relacionadas com dança, como `workshops`, exposições, encontros ou vídeo-dança.

Programação de qualidade 
Na edição deste ano, destaca-se também a atuação dos portugueses Jonas & Lander com "Adorabilis", em 22 de Setembro.  São vários os nomes internacionais neste evento, como o Polish Dance Theatre, da Polónia, que, em 26 de Setembro, apresenta "The Harvest", uma peça sobre a natureza e a vida humana, conceptualizada a partir de um ponto de vista etnográfico, antropológico e filosófico. Já em 28 de Setembro, a companhia mexicana Sunny Savoy apresenta dois trabalhos sobre a perceção humana ao longo dos anos, enquanto a Companhia de Dança Contemporânea de Angola dá a conhecer a "alma africana sob a forma de dança contemporânea", no dia 10 de Outubro.
Nesta 27.ª edição também não faltam os artistas portugueses, destacando-se a atuação de Jonas & Lander, com a peça "Adorabilis", em 22 de Setembro, e a presença do jovem grupo EmbalArte que, em 29 de Setembro, apresenta "De lés a lés saberás quem és", um espetáculo de dança direcionado para crianças e famílias.
Esta Quinzena da Dança de Almada - International Dance Festival - conta ainda com uma Plataforma Coreográfica Internacional, que, entre 3 e 6 de Outubro, dá a conhecer 28 trabalhos de vários países, como Itália, Coreia do Sul, Alemanha, Israel ou Tawain.
Neste ano, a iniciativa estende-se até à outra margem do Tejo, com apresentações de vídeo-dança no Instituto Cervantes, na Escola Superior de Dança e na Faculdade de Motricidade Humana, em Lisboa.
Segundo a organização, alguns eventos decorrem em espaços informais e várias apresentações são de entrada livre, o que pode ser consultado na página do evento, assim como toda a programação.

Agência de Notícias com Lusa 
Leia outras notícias do dia em 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010