Dá um Gosto ao ADN

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Barreiro defende que novo aeroporto tem prós e contras

Plataforma diz que Barreiro será uma das zonas mais afetadas pelo novo aeroporto do Montijo 

O presidente da Câmara do Barreiro defende que o novo aeroporto na Base Aérea n.º 6 no Montijo, tem constrangimentos, mas também oportunidades, revelando que autarquia ainda não tem uma posição definitiva. Uma plataforma cívica contra o novo aeroporto, no Montijo, disse a semana passada que o Barreiro, será uma das zonas mais afectadas por esta infraestrutura e pretende promover um debate junto da população. A Plataforma Cívica Aeroporto BA6 - Montijo Não reuniu-se com o presidente da Assembleia Municipal do Barreiro, André Pinotes Batista, para dar a conhecer o movimento e convidar a um debate com os habitantes locais.
Novo aeroporto continua em discussão  

"Fizemos um pedido junto do presidente da Assembleia Municipal para que se encontre uma forma de promover o debate junto da população acerca desta problemática do aeroporto do Montijo, tendo em conta que o Barreiro vai ser uma das zonas mais afectadas por diversas razões, quer na poluição, ruído ou outros problemas ambientais", avançou à Lusa um dos membros da plataforma, José Encarnação.
Segundo o responsável da plataforma, o presidente da Assembleia Municipal do Barreiro, eleito pelo PS e deputado na Assembleia da República, "mostrou uma certa abertura" a esta iniciativa.
"Para já, a assembleia não tem uma posição assumida, não é a favor nem contra, mas está sensível a esta questão do debate", indicou.
A plataforma cívica foi apresentada em Julho e defende a construção do novo aeroporto no Campo de Tiro de Alcochete.
Nessa ocasião, o engenheiro e membro do movimento Carlos Matias Ramos defendeu que a construção no Montijo "não é uma opção pensada" e que "não há um documento que sustente a decisão".
Carlos Matias Ramos explicou na ocasião que "os mitos constantes têm sido a base da fundamentação" por parte do Governo, defendendo que o aeroporto do Montijo não é uma opção mais barata, nem rápida, até porque "83 por cento da zona de circulação tem de ser intervencionada" e a pista 01 da base aérea "tem de ser prolongada em 300 metros".
O responsável sublinhou também que o aeroporto do Montijo tem "um risco ambiental" ao ser "construído sobre lodo".
Em declarações à Lusa, José Encarnação levantou outra questão sobre as alegadas consequências da construção do novo aeroporto no Montijo.
"Não estão contabilizados quais os custos, não só económicos e financeiros, mas também os sociais, de transferir cerca de 900 pessoas que trabalham na base aérea do Montijo. Toda a gente já percebeu que se o aeroporto for para ali não é compatível com as operações militares", apontou.
De acordo com o membro, a plataforma cívica não obteve até agora qualquer resposta por parte do Governo, liderado pelo socialista António Costa, mas já foi recebida pelo PCP, pelo PAN, e pelo Bloco de Esquerda.
Além disso, vão tomar a iniciativa de pedir encontros com o primeiro-ministro e com o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues.

Autarquia ainda sem posição definitiva

O presidente da Câmara do Barreiro defende que o novo aeroporto na Base Aérea n.º 6 no Montijo, tem constrangimentos, mas também oportunidades, revelando que autarquia ainda não tem uma posição definitiva.
“Não temos uma posição definitiva, porque também não conhecemos o projeto definitivo. Há duas coisas que nós sabemos: que a localização do aeroporto do Montijo pode trazer constrangimentos, mas com certeza traz também oportunidades e é neste balanço que temos que equacionar a nossa posição”, diz o presidente da câmara do Barreiro, Frederico Rosa.
À margem de uma visita realizada aos territórios da ‘Lisbon South Bay’, na margem sul do Tejo, o autarca avançou que não tem dúvidas de que o novo aeroporto, a ser localizado no Montijo, e através de uma ligação rodoviária, “colocará o concelho numa rota de crescimento e criação de emprego”.
“A nossa posição é de medir os prós e os contras e tentar tomar uma decisão informada, equilibrada, sem medo de qualquer constrangimento e com os olhos postos na evolução do Barreiro”, frisou.

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010