Dá um Gosto ao ADN

terça-feira, 26 de junho de 2018

Festas do Montijo começam esta quarta-feira

Cidade festeja o seu santo padroeiro, com devoção, touros e música

Começa esta quarta-feira a maior festa do concelho do Montijo. De 27 de Junho a 2 de Julho, as ruas do Montijo voltam a receber milhares de pessoas. A Comissão de Festas perspetiva ultrapassar os 300 mil visitantes que, certamente, encontrarão inúmeros atrativos para preencher os seus dias e noites no Montijo, nas ruas e pátios temáticos que estão a ser ornamentados por milhares de flores de papel e outros elementos decorativos. Um programa diversificado, abrangente e amplo, para todas as idades e todos os gostos: das procissões às tradições taurinas, da gastronomia à música, das marchas aos bailaricos. Do bibe eléctrico aos almoços populares. The Black Mamba abre já amanhã à noite o palco principal. Paulo Gonzo chega para o concerto final a 2 de Julho, na zona ribeirinha da cidade. A noite da PopularFM realiza-se a 28 de Junho.  Ao todo são mais de um dezena de palcos e quase cinco mil eventos que vão marcar o ritmo das festas. A música vai estar por todo o lado. Há para todos os gostos.
Massinha de peixe deu sabor à apresentação das festas 

Seis dias inesquecíveis. E estão mesmo a chegar. Falta tão pouco! As emoções vão estar ao rubro com as Festas Populares de São Pedro 2018. 
O Montijo volta a receber as tradicionais Festas Populares de S. Pedro entre 27 de Junho e 2 de Julho, com muita animação e actividades para toda a família. Concertos, largada de toiros e procissões fazem parte da programação destas festividades. Paulo Gonzo é o cabeça de cartaz das Festas Populares de S. Pedro no Montijo, com o concerto comemorativo dos 40 anos de carreira do músico a estar marcado para as 22 horas, do dia 2 de Julho, na Praça da República. É ainda nesta noite o encerramento oficial das festas, com o fogo de artifício piromusical e a queima do batel a acontecerem na Frente Ribeirinha.
Mas já a partir da próxima quarta-feira, há vários espectáculos a não perder. Nesta noite, o grupo The Black Mamba sobe ao palco que está instalado na Praça da República, pelas 22 horas.
Outro dos momentos aguardados é o Bibe Eléctrico, este ano com duas saídas: nos dias 27 e 30 de Junho, a partir da meia-noite.
Para dia 29 de Junho está marcada a procissão fluvial em devoção a S. Pedro a sair pelas 15 horas da Base Aérea n.º 6, tendo chegada prevista pelas 17 horas ao Cais das Faluas, e a procissão nocturna, uma das maiores do país, a começar pelas 22 horas, na Igreja Matriz do Montijo.
Nas Festas Populares de S. Pedro no Montijo há ainda espaço para as largadas, num total de oito e para a corrida de toiros a ter lugar no dia 30 de Junho, assim como a grande noite de comes e bebes do pescador, em diversas artérias da festa.
Entre a programação há três novidades, nomeadamente, o 1.º Festival de Percussão do Montijo (1 de Julho); um desfile motorizado das duas corporações e fanfarras de bombeiros do concelho; e o Kintal na VIA, um percurso musical feito pelas ruas com música direccionada ao público jovem (dias 28 e 29 de Junho.)
São esperados mais de 300 mil visitantes nas ruas do Montijo para participarem e assistirem às Festas Populares de S. Pedro cujo programa conta com mais de 200 actuações e cinco mil participantes em palco.

Procissão nocturna "deverá ser uma das maiores do País"
Com um orçamento de cerca de 170 mil euros, “sem contar com os apoios logísticos”, esta edição apresenta uma “programação variada e ecléctica, que reflecte os valores da abertura e da diversidade, num encontro entre a tradição e a modernidade”, salientou Nuno Canta, presidente da Câmara do Montijo, adiantando que “este ano, voltamos a convidar os montijenses, os forasteiros e os turistas a reviver as tradições das Festas Populares de São Pedro”.
As celebrações vão contar com algumas novidades, como o Kintal na Via, percurso musical feito pelas ruas com música dirigida ao público jovem, e o desfile motorizado das duas corporações de bombeiros do concelho, Montijo e Canha, “tradição que será retomada” e que terá lugar no derradeiro dia do certame, avançou José Manuel Santos.
Um dos maiores destaques do programa, segundo o presidente da Comissão de Festas, é a realização das procissões fluvial e nocturna, no dia 29. A primeira realiza-se à tarde e a segunda à  noite. A procissão nocturna, vincou José Manuel Santos, irá contar “com 22 ou 23 andores”, devendo por isso ser “uma das maiores do País”.
Uma noite a cargo da Universidade Sénior do Montijo e uma outra com a Sociedade Filarmónica 1.º de Dezembro em destaque, além do 1.º Cruzeiro de Vela no dia da ANAU, que acompanhará a procissão fluvial, foram outros dos momentos da programação a merecerem o realce de José Manuel Santos.

Consulte aqui o programa oficial das Festas Populares de São Pedro 

.Agência de Notícias 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010