Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 11 de maio de 2018

Maratona de águas abertas em Setúbal garantida até 2021

Os melhores do mundo nadam no Sado a 9 de Junho 

O estuário do rio Sado, em Setúbal, acolhe no dia 9 de Junho a terceira etapa do circuito mundial de águas abertas, competição que já cumpriu duas etapas em 2018, em Doha e nas ilhas Seychelles. "Setúbal volta a receber a elite mundial de águas abertas. E apresentamos como cenário natural uma das mais belas baías do mundo, situada entre a serra da Arrábida e o rio Sado. Trata-se de uma aposta a longo prazo da nossa autarquia", destacou hoje em conferência de imprensa Maria das Dores Meira, presidente da autarquia setubalense. O evento foi oficialmente apresentado a bordo de uma embarcação típica de Setúbal e contou com a presença de outros responsáveis da autarquia e da Federação Portuguesa de Natação.
Apresentação ocorreu em pleno rio Sado 

"Desde os Jogos de Pequim2008 que a competição de águas abertas é uma modalidade olímpica. A cidade de Setúbal e os seus autarcas têm revelado um grande empenho em continuar a receber e organizar este evento, que está garantido até 2021", revelou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, que admitiu existir "muita pressão de outras autarquias nacionais para acolher o evento".
Por seu turno, António José Silva, presidente da Federação de Portuguesa de Natação, destacou o número de inscritos: "Relativamente a edições anteriores, já batemos o recorde de inscritos, com 100 nadadores garantidos. E vão estar representados 23 países. Esta maratona de águas abertas já é considerada uma prova referência da natação mundial.
Entre os inscritos de maior reputação mundial contam-se os holandeses Ferry Weertman e Sharon van Rouwendaal, campeões olímpicos no Rio de Janeiro em 2016 e vencedores da primeira etapa da Taça do Mundo, que decorreu em Doha, capital do Qatar.
Além destes dois nomes, realce para as presenças do italiano Simone Ruffin, campeão do circuito mundial em 2017, do húngaro Kristof Razovszky, vencedor da etapa de 2017 em Setúbal, da italiana Rachelle Bruni, medalha de prata nos Jogos do Rio de Janeiro de 2016 e vencedora em Setúbal 2017, e da equatoriana Samantha Arevalo, vice-campeã mundial em 2017.
Entre a elite portuguesa, destaque para a participação de Angélica André, nadadora do Fluvial Portuense que é campeã de Portugal e quinta do 'ranking' europeu, e de Rafael Gil, campeão nacional, que nadará em Setúbal como individual.
A anteceder a competição de elite da maratona mundial de águas abertas, agendada para as 16 horas do dia 9 de Junho, realiza-se um 'Open Challenge', com competições abertas a todos os nadadores a partir dos 10 anos.

Agência de Notícias com Lusa

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010