Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 9 de março de 2018

Alexandre Castanheira dá nome a escola do Laranjeira

Câmara lembra romancista e ensaísta almadense em nome de escola

A Escola Básica n.º 2 do Laranjeira, em Almada, já tem o nome de Alexandre Castanheira. A cerimónia de atribuição do nome aconteceu após uma homenagem prestada ao docente, romancista e ensaísta almadense. A filha de Alexandre Castanheira, Sílvia Castanheira, e a esposa do escritor, Madeleine Nennig, estiveram presentes na cerimónia, marcada pela emoção, que assinalou a renomeação da escola. Sobre a atribuição do nome de Alexandre Castanheira, à Escola Básica  n.º 2 do Laranjeiro, a sua filha afirmou que esta é a "demonstração do reconhecimento pelas ações de divulgação da cultura. Gostava, sobretudo, de ensinar os pequenos. Para ele, era a idade certa para descobrirem as letras, a cultura". 
Filha de Alexandre Castanheira assistiu à renomeação da escola 

O vice-presidente da Câmara Municipal de Almada, João Couvaneiro, esteve, também, presente na cerimónia, fazendo questão de homenagear "o amigo". Dirigindo-se, especialmente, aos alunos que assistiram e participaram na iniciativa, João Couvaneiro falou dos "olhos sonhadores" de Alexandre Castanheira, olhos de "quem estava sempre a sonhar (…) com um futuro melhor para cada um de nós (…)", salientando a importância que Alexandre Castanheira teve no ensino.
A renomeação da EB n.º 2 do Laranjeiro para EB Alexandre Castanheira surgiu de decisão municipal para homenagear o docente, o romancista, o ensaísta, o poeta, o dramaturgo, o dirigente associativo, sempre presente na atividade educativa e cultural de Almada.
Foi aprovada por unanimidade em Reunião de Câmara pública, a 20 de Dezembro de 2017, tendo tido, igualmente, aprovação por parte do Conselho Geral do Agrupamento de Escolas Professor Ruy Luís Gomes.

Sobre Alexandre Castanheira
Nascido em 1928, em Almada, Alexandre Castanheira licenciou-se em Histórico-Filosóficas na Faculdade de Letras de Lisboa e em Literatura Moderna na Universidade de Paris VIII.
Foi resistente antifascista, defensor da liberdade e da paz, tendo estado preso várias vezes. Esteve na clandestinidade e exilou-se em França, regressando a Portugal após a Revolução de Abril.
Exerceu funções de deputado municipal em Almada e de presidente da Assembleia de Freguesia do Laranjeiro.
Em 1994, a Câmara de Almada atribui a Alexandre Castanheira a Medalha de Ouro de Mérito Cultural e em 2004 foi-lhe atribuído o grau de Comendador da Ordem da Liberdade pelo então presidente da República, Jorge Sampaio.

Agência de Notícias com Câmara de Almada

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010