Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

António Costa esteve em Palmela Setúbal e Almada

Primeiro-ministro elogia dinamismo e inovação de escolas e empresas do distrito de Setúbal

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou a criação de um segundo centro de competências na área dos serviços informáticos, um sector em que a administração pública "tem particulares dificuldades" em competir com as ofertas de contratação no privado. Na segunda sessão do Roteiro Inovação 2018, dedicada à inteligência artificial e que percorreu os concelhos de Palmela, Almada e Setúbal, António Costa defendeu que é preciso "ir mais além" e "criar centros de competências que permitam reforçar a capacidade de a Administração Pública agir e pensar". O primeiro-ministro destacou ainda o dinamismo e grande capacidade de inovação que existe em Setúbal, depois de visitar uma empresa e dois estabelecimentos de ensino superior do distrito.“[É um balanço] muito interessante, muito variado, mas com o traço comum de um grande dinamismo, uma grande criatividade e um a grande capacidade de empreender e de inovar”, disse António Costa no final da visita que efetuou ao Instituto Politécnico de Setúbal.
Primeiro-ministro visitou  Politécnico de Setúbal 


"O Conselho de Ministros avançará para a criação de um segundo centro de competências de grande importância estratégica que tem a ver com os serviços informáticos", anunciou, numa sessão na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, na Caparica, concelho de Almada.
De acordo com o primeiro-ministro, esta "é uma área em que a administração pública tem particulares dificuldades".
"Não porque o sistema universitário e politécnico não esteja a produzir quadros de excelente qualidade, mas porque a Administração Pública tem revelado manifesta dificuldade em ser capaz de competir com as ofertas que existem no sector privado para a contratação", explicou o primeiro-ministro.
A única forma, na opinião de António Costa, de responder a esta dificuldade "não é pulverizando e atomizando as clássicas capelinhas da Administração Pública".
"Mas é, pelo contrário, sendo capazes de concentrar em centros de competência onde possamos bater-nos com o sector privado para recrutar os melhores", concretizou António Costa.
Para o chefe do executivo é evidente: "se nós queremos ter um Estado mais eficiente é essencial que o Estado não deixe de investir em si próprio".
O primeiro centro de competências que foi criado, recordou Costa, "foi na área dos serviços jurídicos para que a Administração Pública se possa libertar da necessidade de contração externa".

Costa elogia dinâmica inovadora do Politécnico de Setúbal
O primeiro-ministro, António Costa, destacou o dinamismo e grande capacidade de inovação que existe em Setúbal, depois de visitar uma empresa e dois estabelecimentos de ensino superior do distrito.“[É um balanço] muito interessante, muito variado, mas com o traço comum de um grande dinamismo, uma grande criatividade e um a grande capacidade de empreender e de inovar”, disse António Costa no final da visita que efetuou ao Instituto Politécnico de Setúbal. O primeiro-ministro falava no final de uma visita que começou de manhã na empresa Instrosys, uma multinacional portuguesa que já é considerada uma empresa de referência no desenvolvimento de sistemas robotizados, a que se seguiu a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova, em Almada, e o Instituto Politécnico de Setúbal, no âmbito da iniciativa governamental “Roteiro da Inovação”.Entre muitos outros projetos inovadores, António Costa ficou a conhecer o BITalino, uma plataforma que já está em 70 países e que foi desenvolvida por Hugo Silva, investigador do Instituto de Telecomunicações – antigo aluno e agora docente -, da Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Setúbal.
“Já temos cinco mil utilizadores e estamos em 70 países. O BITalino é um dispositivo já é utilizado em universidades de renome, no MIT, Stanford, e na indústria, designadamente na Intel, Facebook ou a Volkswagen”, disse à agência Lusa Hugo Silva.
“O BITalino permite criar dispositivos biomédicos muito alinhado com o novo paradigma da Internet das coisas com custos muito reduzidos. Essencialmente é esse o segredo”, explicou.
De acordo com Hugo Silva, o BITalino é um dispositivo de grande utilidade na área médica porque “pode ser utilizado como tecnologia de apoio para uma pessoa incapacitada que não consegue utilizar um rato ou um teclado de computador, porque permite utilizar os músculos ou os sinais do movimento para essa pessoa escrever mensagens ou para jogar”.
Este dispositivo desenvolvido na Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Setúbal foi um dos muitos projetos de inovação na área digital que António Costa ficou a conhecer durante o “Roteiro da Inovação” no distrito de Setúbal, em que se fez acompanhar pelos ministros da Economia, Manuel Caldeira Cabral, da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, e da Presidência e Modernização administrativa, Maria Manuel Leitão Marques.

Roteiro Inovação

Roteiro da Inovação passou por Palmela, Setúbal e Almada 
António Costa fez esta intervenção no final de duas sessões consecutivas no âmbito do Roteiro Inovação, uma sobre inteligência artificial, e outra sobre Ciência de dados e inteligência artificial na Administração Pública, nas quais esteve também presente os Ministros da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, da Ciência,Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, e da Economia, Caldeira Cabral.
Antes das sessões, o Primeiro-Ministro visitou a empresa de automação industrial Introsys, que concebe sistemas de controlo para robots industriais que fabricam produtos, nomeadamente para a indústria automóvel.
A empresa, sediada em Palmela, criada em 2002, emprega 110 trabalhadores tem também outras áreas de atividade complementares ou decorrentes da robótica, estando presente em vários países.
O Primeiro-Ministro visitou ainda projetos tecnológicos desenvolvidos entre as Escolas Superiores de Tecnologia e de Saúde do Instituto Politécnico de Setúbal, alunos e empresas, designadamente os laboratórios de mobilidade elétrica e de movimento humano.

Agência de Notícias com Lusa
Foto: GI.COM – IPS

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010