Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

"Internamento em casa", em Almada, vence prémio

Unidade de Hospitalização Domiciliária do Garcia de Orta distinguida pela inovação

O Hospital Garcia de Orta, em Almada, venceu o primeiro prémio na 10.ª Edição do Encontro do Prémio de Boas Práticas em Saúde, pela Unidade de Hospitalização Domiciliária de doentes agudos, anunciou aquela unidade hospitalar. Pioneiro em Portugal, este serviço do Hospital Garcia de Orta é "um modelo de assistência hospitalar que se caracteriza pela prestação de cuidados no domicílio a doentes agudos, desde que as condições biológicas, psicológicas e sociais dos pacientes o permitam", conta a administração do hospital de Almada. O serviço funciona há um ano e já "internou em casa" cerca de 270 doentes.
Serviço pioneiro permite tratar doentes em casa 

A opção pelo internamento domiciliário, como refere uma nota de imprensa do Hospital Garcia de Orta, pode ser colocada "na admissão do doente no serviço de urgência, na consulta externa e no Hospital de Dia, e exige um diagnóstico claro, a estabilidade clínica e a possibilidade de controlar as co-morbilidades no domicílio".
Os doentes referenciados são submetidos a uma avaliação multidisciplinar em três eixos - médico, enfermeiro e assistente social - para se verificar se reúnem condições necessárias para usufruírem do serviço prestado pela Unidade de Hospitalização Domiciliária.
Desde que iniciou a atividade no final de 2015, a Unidade de Hospitalização Domiciliária "disponibiliza um serviço com o mesmo rigor clínico do hospital para alguns doentes que, apesar dos problemas de saúde que apresentam, não necessitem de permanecer do hospital para prosseguirem os tratamentos necessários", diz a administração.
De acordo com o Hospital Garcia de Orta, a Unidade de Hospitalização Domiciliária já admitiu um total de 270 doentes que beneficiam daquele serviço, em média, cerca de oito dias e meio. Os principais beneficiários são "doentes com infeções (rim/vias urinárias e da pele), insuficiência cardíaca e patologias respiratórias".
O Hospital Garcia de Orta revela ainda que os dados disponíveis evidenciam uma redução na taxa de complicações, nomeadamente infeções, e um elevado grau de satisfação dos doentes e das famílias com este serviço hospitalização domiciliária.
A 10.ª edição do Encontro do Prêmio de Boas Práticas em Saúde,  foi organizado pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Hospitalar, a Direção-Geral da Saúde, Administração Central do Sistema da Saúde e as Administrações Regionais de Saúde.

Notícia relacionada: Hospital de Almada já 'internou' em casa 260 doentes

Agência de Notícias com  Lusa

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010