Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Setúbal homenageia gentes do mar até 31 de Maio

Aulas ensinam a cozinhar melhor cavala e carapau 

Alunos da Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal, sob direção do chef Vasco Alves, confeccionaram ontem ao vivo, pratos inovadores à base de cavala e carapau, no Mercado do Livramento. A ação, desenvolvida no âmbito das comemorações locais do Dia Nacional do Pescador, permitiu que o público conhecesse alguns dos truques da cozinha e que participasse na elaboração de receitas tão inesperadas como carapau com broa e migada de batata com couve-de-bruxelas e tagliatelle de tinta de choco com cavala e azeite de coentros. Estas atividades integram as comemorações locais do Dia Nacional do Pescador, promovidas pela autarquia com parcerias, que incluem, até dia 31, encontros, gastronomia, exposições e cerimónias evocativas.
Cozinheiros ensinam novas formas de cozinhar peixe de Setúbal 

“Podemos fazer esta massa em casa”, esclarece Vasco Alves, rodeado de alunos do segundo semestre de Gestão e Produção de Cozinha e do segundo ano de Técnicas de Cozinha, cursos da Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal, habituados a estas lides na cozinha de aplicação do estabelecimento de ensino.
A massa tagliatelle, previamente cozida al dente, cai numa frigideira onde estão azeite e alho, para fritar ligeiramente, a que se adiciona um molho de azeite com coentros. Depois é só servir em pequenas taças com filetes de cavala.
A seguir vem a receita de caparau com broa e migada de batata com couve-de-bruxelas, com o peixe devidamente cortado em filetes, o que originou uma aula prática sobre a técnica de extração de lombos sem pele com uma faca, tarefa experimentada por várias pessoas presentes nesta ação no Mercado do Livramento, realizada numa parceria da Escola de Hotelaria com a empresa Docapesca e o apoio da Câmara de Setúbal.
Ainda é preciso preparar carapaus com molho à espanhola e batatas confitadas e beringela com molho de tomate e filetes de cavala em conserva. Toda a ajuda ao chef Vasco Alves e aos seis alunos é bem-vinda e, como contrapartida, é possível sair-se do Mercado do Livramento com um conjunto de receitas e um bolso cheio de dicas úteis para melhorar os dotes de culinária.
No âmbito desta parceria, realizou-se esta quarta-feira, no mesmo local, uma degustação em torno destas duas espécies de pescado, com a cavala a ser servida em espetada com tomate cherry e cebolinha, em tártaro com molho de soja, gengibre e algas e em tostinha com concassé de tomate e moscatel. Já o carapau é apresentado alimado em arjamolho, em tataki com tártaro de tomate e lemongrass e em escabeche com endívia e espuma de laranja.

Setúbal homenageia gentes do mar
Setúbal presta homenagem às gentes do mar com um programa comemorativo que inclui tertúlias, encontros e atividades gastronómicas, assim como uma cerimónia de deposição de flores e uma missa de homenagem a 31, Dia Nacional do Pescador.
O concelho de Setúbal, intimamente ligado à atividade piscatória, celebra a efeméride com uma cerimónia de deposição de flores no Memorial ao Pescador Setubalense Desaparecido, às 09h30, no Cemitério de Nossa Senhora da Piedade, momento antecedido de missa, às oito horas, na Igreja de São Sebastião.
O programa comemorativo é promovido pela Câmara Municipal de Setúbal, em parceria com um conjunto de entidades que dinamizam várias atividades, como é o caso de dois almoços de confraternização de pescadores, ambos no dia 31, com início às 12 horas.
Um deles, promovido pela União das Freguesias de Setúbal e que conta com animação musical, realiza-se junto da Doca dos Pescadores, enquanto o outro é dinamizado pela Junta de Freguesia de Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra num recinto instalado junto do Pontal de Musgo.
Já a 29 de Maio, o programa comemorativo começa às 10 horas, no auditório do Ninho de Novas Iniciativas Empresariais de Setúbal com a apresentação “Consolidar o Passado, Planear o Futuro Península de Setúbal: Territórios de Terra e Mar”, com projetos da Associação de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal e testemunhos de promotores e perspetivas de financiamentos de programas.
Mais tarde, às 11h30, é inaugurada a exposição “Península de Setúbal: Territórios de Terra e Mar”, mostra da Associação de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal e da Câmara Municipal, que fica patente ao público no Mercado do Livramento até 7 de Junho.
No período da tarde, às 15 horas, novamente no auditório do Ninho de Novas Iniciativas Empresariais de Setúbal, é apresentado o projeto da embarcação “Maravilha do Sado”, em recuperação pela Autarquia com vista a criar um equipamento com vocação cultural, social e educativa para valorização dos produtos da pesca.
Para dinamizar este projeto, que visa igualmente fomentar a imagem do setor da pesca e dos seus agentes, assim como promover o património natural, histórico e arquitetónico ligados à atividade piscatória, é assinado, às 16 horas, um protocolo de colaboração entre o Município, a Associação Setúbal Pesca e a Associação Família do Mar de São Sebastião.
As atividades de dia 29 culminam com a inauguração, às 17 horas, da exposição de fotografia “Tradição da Pesca em Setúbal”, patente até 15 de Junho no edifício da Docapesca. A mostra é uma iniciativa da Associação Setúbal Pesca, da Bivalmar e da Câmara Municipal.

Agência de Notícias

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010