Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Autarcas de visita às obras no centro do Barreiro

Requalificação ribeirinha e reabilitação do Barreiro Velho está em marcha 

Eleitos da Câmara Municipal e da União das Freguesias do Barreiro e Lavradio visitaram ontem a freguesia do Barreiro, no âmbito do Projeto Municipal de Participação, Democracia, Cidadania e Comunicação. As obras no âmbito do REPARA – Regeneração Programada da Área Ribeirinha de Alburrica e o Barreiro Antigo foram um dos temas da iniciativa, disse fonte da Câmara do Barreiro. 

Autarcas querem melhorar vida no Barreiro Velho 

Na visita às obras no âmbito do REPARA, o Vereador Rui Lopo, responsável pela Gestão e Regeneração Urbana, explicou o que está a ser feito, nomeadamente na construção do passadiço que liga a Rua Miguel Pais a Alburrica, nos largos Bento de Jesus Caraça e Nossa Senhora do Rosário e na Avenida Bento Gonçalves.
De salientar, que as obras estão, segundo o vereador, "nesta fase, em bom ritmo, aproximando-se da sua fase final. Esta intervenção é de extrema importância em termos de requalificação da frente de rio, seja do ponto de vista paisagístico e urbano, seja na vertente ambiental (no que respeita à construção da rede de saneamento)", disse Rui Lopo.
O autarca referiu também que, neste momento, "está a ser analisada e discutida a alteração dos horários dos bares na Avenida Bento Gonçalves e Barreiro Antigo de modo a criar mais dinamismo nestas zonas do Barreiro, após a conclusão dos trabalhos de requalificação".

Barreiro Velho está num processo de reabilitação 
Antes da visita às obras do REPARA, os eleitos passaram pelo terreno do antigo campo do FC Barreirense, cuja empresa proprietária entrou em processo de insolvência. "A autarquia está em diálogo e a pressionar o gestor da insolvência, no sentido do arranjo e limpeza deste terreno", explica fonte da Câmara do Barreiro. 
A visita incluiu também a análise de alguns problemas no Barreiro Antigo, nomeadamente a necessária reabilitação desta zona, tal como sucede na maioria dos centros históricos das cidades. Neste âmbito, o Vereador Rui Lopo salientou que o Barreiro "está num processo, embora lento, de inversão visto que já há construções novas e intenções de privados para outras intervenções".
 Para incentivar esta requalificação, "a autarquia diminuiu ou isentou as taxas de construção, reduziu o Imposto Municipal sobre imóveis e isentou o Imposto Municipal de Transmissões nos processos de reabilitação e continua a trabalhar no sentido de aumentar os incentivos à instalação de atividade económica nesta zona", conclui o titular da pasta da Gestão e Regeneração Urbana do concelho do Barreiro. 

Obras estão a mudar a zona nobre da cidade 
Obras na Avenida da Praia estão em bom ritmo 
Para melhorar a qualidade de vida dos barreirenses está a haver uma aposta na“intervenção urbana” e as travessas do Barreiro Velho também estão a sofrer obras, sendo construídos mais “percursos pedonais e áreas de lazer”, para fixar mais pessoas no concelho. Rui Lopo considera que esta intervenção “vai aproximar mais a cidade e o rio, através de mais ciclovias e trajectos pedonais”. O vereador realça que este projeto tem um fator de “atratividade e diversificação” para o município.
A requalificação da frente ribeirinha do Barreiro é feita no âmbito do REPARA, um programa de regeneração urbana que engloba ações de melhoramento em Alburrica e aos seus acessos. As obras tiveram início na Avenida Bento Gonçalves e na Rua Miguel Pais. Nestas duas ruas “o investimento é de dois milhões de euros e o projecto de requalificação total ultrapassa os três milhões de euros”, realça o vereador. Deste valor, um milhão de euros é da responsabilidade da autarquia e o restante provêm de fundos comunitários.

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010