Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Autarcas visitam escolas do Barreiro

Autarcas vão à escola e ficam a saber que faltam auxiliares  

O número reduzido de auxiliares de ação educativa, relativamente ao estabelecido pela lei, nas escolas do 1º ciclo da Verderena foi um dos principais problemas apontados pelas coordenadoras em conversa com o executivo municipal da câmara do Barreiro e eleitos da União das Freguesias do Alto do Seixalinho, Santo André e Verderena. A visita foi feita ontem no âmbito do Projeto Municipal de Participação, Democracia, Cidadania e Comunicação.

Autarcas atentos aos problemas das escolas do Barreiro 

A comitiva iniciou a visita à Verderena na Escola Básica nº 4 do Barreiro "que tem seis turmas do 1º ciclo e uma de pré-escolar, num total de cerca de 150 alunos", diz a autarquia em comunicado.
Além da necessidade de mais auxiliares no 1º ciclo, cuja colocação é da responsabilidade do Ministério da Educação, a coordenadora da escola, Natália Sapage, alertou para alguns problemas do edifício nomeadamente em termos de isolamento. A Autarquia, em colaboração com a União das Freguesias, "propôs-se a avaliar a eventual substituição de janelas e portas para colmatar este problema",fonte garantiu do município.
Na Escola Básica nº 3 do Barreiro, o problema da falta de auxiliares também foi colocado pela coordenadora Inácia Almeida. Este estabelecimento de ensino tem cerca de 180 alunos do 1º ciclo, distribuídos por nove turmas. De salientar que a ampliação e remodelação desta escola é a prioridade do Executivo Municipal na área da educação.
De seguida, a comitiva visitou o Jardim-de-Infância nº 2 da Verderena que tem cerca de 75 alunos em três salas de pré-escolar. A Coordenadora Odete Cruz apresentou aos eleitos algumas anomalias que ocorrem pontualmente, salientando que, no geral, as instalações são boas.
Em termos de educação, os eleitos da câmara e das juntas de freguesia visitaram ainda a Escola Básica do Barreiro, onde, mais uma vez, foi apontada a falta de auxiliares como problema principal. Nesta escola, com seis turmas do 1º ciclo e uma de pré-escolar, num total de cerca de 165 alunos, a coordenadora Maria João Carvalho explicou alguns problemas que requerem a avaliação da Autarquia e da União das Freguesias relacionados com infiltrações e com a possibilidade de ampliação da cozinha.

Protocolo com o GDR “Os Pantufas”
Após a visita às escolas, os eleitos marcaram presença, entre outros locais da Verderena, nas instalações do GDR “Os Pantufas” na Praceta da Quinta Grande, que se encontram em obras de remodelação. Recorde-se que o Município do Barreiro e o GDR “Os Pantufas” assinaram, no dia 23 de Dezembro, um Protocolo de Utilização das instalações correspondentes aos balneários de apoio ao polidesportivo da Praceta da Quinta Grande “criando assim as condições necessárias para que as mesmas sejam utilizadas em prossecução do objeto social deste grupo desportivo”, conclui a nota da câmara do Barreiro.

Agência de Notícias
Leia outras notícias do dia em www.adn-agenciadenoticias.com 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010