Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Montijo quer atrair mais turistas ao concelho

Autarquia quer divulgar festas de São Pedro nos hotéis da capital 

A necessidade de consolidação das potencialidades e do progresso turístico do concelho do Montijo foi o tema principal da reunião realizada esta semana entre o presidente da Câmara do Montijo, Nuno Canta, e o presidente da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, Vítor Costa. Recorde-se que, entre 2013 e 2014, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística, a procura turística no Montijo cresceu 77 por cento. Para a Câmara  do Montijo, "o turismo assume-se como uma vetor estratégico da sua política de desenvolvimento territorial e de dinamização da economia local", conclui a nota da autarquia montijense.
Montijo quer promover festas populares de São Pedro em Lisboa 

Nuno Canta mostrou o interesse do município em aprofundar o seu papel no âmbito da territorialização do turismo da Região de lisboa, nomeadamente através da criação de mecanismos e iniciativas que permitam que o Montijo possa beneficiar mais fortemente do fluxo de turistas que, diariamente, chegam a Lisboa.
Neste sentido, foi colocada a possibilidade de "criação de um pacote turístico a divulgar nos hotéis da capital para promoção das Festas Populares de São Pedro". Uma ideia que será, agora, aprofundada pelos serviços municipais e pela Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, e que pretende trazer ao Montijo "mais turistas durante as principais festividades do concelho, para que estes possam desfrutar da cultura, da identidade e das tradições locais", refere a autarquia.
O presidente da Câmara  do Montijo abordou, ainda, a questão da instalação do novo aeroporto na Base Aérea n.º 6 do Montijo, tendo o presidente da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, manifestada a sua concordância com esta hipótese, pois permitirá colmatar o problema do crescimento exponencial de turistas que chegam a Lisboa por via aérea.
Ainda neste âmbito, foi igualmente, focada a questão da ligação do novo aeroporto aos outros concelhos do distrito de Setúbal através da construção de uma infraestrutura de transportes públicos, concretamente através do Metro Sul do Tejo. Vítor Costa considerou "uma excelente ideia e uma forma de ancorar mais o futuro aeroporto à região de Setúbal".

Festas de São Pedro realizam-se em Junho 
Durante as festas, a Igreja Matriz do espírito Santo torna-se local de grande importância e veneração. Daqui se desloca a imagem do santo padroeiro da comunidade piscatória da cidade de Montijo.  A 29 de Junho, dia de S. Pedro, destaca-se a procissão fluvial, acrescida mais tarde às festividades, onde várias embarcações de pesca engalanadas escoltam uma principal que transporta a imagem do S. Pedro da ponta do Montijo (base aérea n.º6) até ao antigo cais citadino (Cais das Faluas), terminando o cortejo na Igreja do Espírito Santo. 
A 30 de Junho, dia de S. Marçal, de manhã, junto à capela do Senhor Jesus dos Aflitos - Quinta do Saldanha, dá-se o ritual da “lavagem” da classe piscatória, seguindo-se a arrematação das bandeiras e da imagem de S. Pedro. 
A Ermida de Nosso Senhor Jesus dos Aflitos integrada na Quinta do Saldanha é um edifício do séc. XVIII, e que tinha uma função muito importante para os pescadores que aí acorriam em auxílio, bem como a todos os viajantes que faziam desta, um local de abrigo. 
No entanto, a imagem de Nosso Senhor Jesus dos Aflitos é, ainda hoje, alvo de grande devoção popular, sobretudo por parte dos pescadores, tanto assim é que, no dia de São Marçal, 30 de Junho, se realiza a cerimónia da “Lavagem” junto da Ermida, ritual que remete a antigas abluções ou banhos purificadores.
Agência de Notícias

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010