Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Correios no Monte de Caparica só ao sábado

Encerramento dos correios prejudica a população

Os CTT esclareceram, esta quarta-feira, que o fecho do único posto de correios na freguesia do Monte de Caparica, em Almada, "não está relacionado" com a empresa, porque estava entregue a um prestador de serviços. A empresa adianta que irão passar a prestar o serviço "nas instalações de um novo parceiro, que estará aberto ao sábado, localizado na Rua de Dentro, na Loja 2A, a 1,7 quilómetros do antigo posto de correios". A população está contra e protestou ontem de manhã. A concelhia de Almada do PCP sublinha que o encerramento do posto dos Correios no Monte de Caparica implicará a deslocação dos utentes, "para outra freguesia, nomeadamente a Sobreda, na qual a rede de transportes é diminuta", denunciam os comunistas. Por sua vez, o Bloco de Esquerda questionou o Governo através do Ministério do Planeamento e das Infraestruturas sobre o encerramento desta estação de correios já a partir de segunda-feira.
População revoltada com o fecho dos correios 


"Relativamente ao Posto de Correios do Monte da Caparica, o mesmo irá encerrar devido à rescisão contratual por parte do prestador, não estando o encerramento relacionado com os CTT", garantiu a empresa, numa resposta escrita enviada à Lusa.
Segundo os CTT, "não se trata de uma Loja CTT", mas sim de uma parceria com uma entidade privada, onde os clientes "podem aceder a todos os serviços previstos no contrato de concessão e ao pagamento de reformas, por vezes em horários alargados".
Segundo o PCP de Almada, o posto de correios do Monte de Caparica, que se encontra concessionado desde Maio, anunciou recentemente, através de um papel na porta, que vai encerrar no dia 21 de Outubro.
No entanto, a população não está satisfeita por perder este serviço, tendo a Junta de Freguesia lançado uma petição contra o fecho e o PCP de Almada convocado uma concentração para quarta-feira, pelas 8h30, em frente ao posto.
Para o partido, perder este serviço na freguesia traz "prejuízos para a população" e, sobretudo, para os mais idosos que terão dificuldade em levantar as suas reformas e pensões, porque o posto mais próximo encontra-se na freguesia da Sobreda, a cerca de cinco quilómetros e para onde "não há transportes públicos com a frequência desejada".
Os comunistas sublinham ainda que "os CTT são um instrumento insubstituível para a coesão social, económica e territorial" do País, do concelho de Almada e da União de freguesias de Caparica e Trafaria". 

BE questionou o Governo 
O Monte de Caparica situa-se numa das maiores freguesias do concelho de Almada que, segundo o Censos 2011, tinha uma população residente de 26 mil 150 habitantes. A necessidade e utilidade da estação dos CTT existente naquela freguesia é, diz o Bloco de Esquerda, "reconhecida e é considerada imprescindível, no âmbito do serviço público universal dos correios, pelas populações e pelos autarcas da União de Freguesias e do município".
De acordo com o BE, em comunicado enviado à ADN- Agência de Notícias, "a menos de dois anos do fim do contrato de concessão, a administração dos CTT quer tornar este caminho irreversível. Nos últimos meses multiplicaram-se o anúncio ou mesmo o encerramento de dezenas de Estações de Correio, que já são mais de 50, e que violam compromissos anteriormente assumidos com o Estado e as populações".
Estes encerramentos em catadupa são, no entender do Bloco de Esquerda, "absolutamente intoleráveis e colocam as populações em sobressalto, parecendo integrar-se numa estratégia de pressão sobre as autarquias para que se substituam aos CTT na prestação de um serviço que lhe está contratualmente consagrado: o serviço público de correios, nos mesmos exatos termos com que o receberam das mãos do Estado. Aqui a responsabilidade política da direita é absolutamente clara e inequívoca: cabe ao PSD e CDS-PP a decisão de privatização dos CTT e de entrega a privados de um serviço de carácter público e de proximidade".
Assim, o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda quer saber se o Governo tem "conhecimento do anúncio do encerramento da estação dos correios do Monte de Caparica" e se está a tutela "disponível para instar a Administração dos CTT a parar com o encerramento de estações de correio de modo a que seja plenamente respeitado o serviço público postal universal".
O BE quer saber ainda se o Governo pondera "intervir junto da Administração dos CTT para evitar o encerramento da estação do Monte de Caparica". Por fim, os bloquistas desafiam ainda o executivo liderado por António Costa, a refletir sobre o estado da empresa postal. "Considera o Governo que todas estes exemplos de fuga à responsabilidade de assegurar o serviço público postal a que os CTT estariam obrigados não são razões mais do que suficientes para que o Estado seja chamado a recuperar o controlo público do serviço público universal dos correios com a maior urgência possível?", pergunta o Bloco.

CTT garante nova loja no Monte da Caparica... só ao sábado  
No entanto, os CTT adiantaram que irão passar a prestar o serviço "nas instalações de um novo parceiro, que estará aberto ao sábado, localizado na Rua de Dentro, na Loja 2A, a 1,7 quilómetros do antigo posto de correios".
Além disso, indica outras alternativas na envolvência, como o posto de correios A Aldeia, a dois quilómetros, ou outros quatro estabelecimentos de correio postal, que se localizam a cerca de três quilómetros do posto do Monte de Caparica.
Em Junho, o presidente da Comissão Executiva dos CTT, João Bento, garantiu no parlamento que a empresa não ia encerrar mais lojas e que até iria reabrir algumas, o que foi reafirmado hoje.
"Os CTT confirmam, conforme foi anunciado pelo CEO dos CTT, João Bento, em Junho deste ano no parlamento, que os CTT não vão encerrar mais lojas e que vão reabrir lojas anteriormente encerradas. A primeira loja já foi reaberta, no passado dia 23 de Setembro, em Vila Flor, distrito de Bragança", indicou.

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010