Dá um Gosto ao ADN

terça-feira, 24 de julho de 2018

Espaço FAVO nasce no antigo Mercado de Alhos Vedros

Antigo mercado ganha nova vida para receber movimento associativo

Já foi inaugurado o Espaço FAVO – Fábrica de Artes Visuais e Ofícios, um novo equipamento coletivo resultante da reabilitação do edifício do antigo Mercado Municipal de Alhos Vedros, destinado a ser utilizado pelo Movimento Associativo e a acolher residências artísticas, oficinas e ateliês relacionados com as artes visuais. A intervenção levada a cabo pela Câmara da Moita teve por "objetivo não só reabilitar o edifício, que se encontrava desativado e obsoleto, mas também o espaço envolvente, por forma a dinamizar este local, integrado na Área de Reabilitação Urbana de Alhos Vedros Centro", diz a Câmara da Moita em nota de imprensa enviada à ADN-Agência de Notícias.
Novo equipamento destina-se a acolher artes e ofícios 

A intervenção da Câmara da Moita neste edifício, que se encontrava desativado e obsoleto, foi realizada no âmbito do Programa Municipal de Reabilitação Urbana Moita 2025 e é um dos projetos incluídos no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano, representando um investimento municipal de 75 mil 135 euros, cofinanciado pelo Feder, ao abrigo do programa Portugal 2020.
Na abertura do Espaço FAVO, perante uma assistência composta sobretudo por representantes do Movimento Associativo e artistas locais, o presidente da Câmara, Rui Garcia, referiu que este é um equipamento que “fica entregue à comunidade”, no sentido em que se pretende “que o espaço seja usufruído pela comunidade e que a comunidade ponha também à prova a sua criatividade e apresente mais propostas e ideias para a sua utilização, sempre na vertente da promoção da cultura, das expressões artísticas e do Movimento Associativo”.
Daniel Figueiredo, vice-presidente da Câmara e responsável pelo pelouro da Cultura, guiou a visita do público e convidados ao espaço, reforçando que o FAVO tem por objetivo constituir-se "como suporte e estímulo para a criação artística, a prática artesanal e oficinal, contrariando a debilidade do ensino das artes na Escola Pública no concelho".
Entre as valências do novo equipamento, conta-se assim um espaço-oficina destinado a atividades dirigidas à comunidade, nomeadamente à comunidade educativa. Uma área para o Movimento Associativo, que acolhe atualmente a Alius Vetus - Associação Cultural História e Património, um sala polivalente, onde está patente a exposição de pintura “Inquietações II”, de Vítor Moínhos, e um espaço para “residência artística”, reservado a projetos de experimentação individuais ou coletivos no campo das artes visuais, complementam o novo Espaço FAVO – Fábrica de Artes Visuais e Ofícios que passa a integrar a rede municipal de equipamentos culturais do Município da Moita.

Agência de Notícias com Câmara da Moita

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010