Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Dois homens saem da prisão... para roubar


Roubam 3 mulheres depois de saída precária

Dois homens, de 50 e 53 anos, foram detidos em Lisboa um dia após terem saído da cadeia, em precária, de Vale Judeus, onde cumpriam penas de roubo e tráfico de droga. O clima de reclusão parece nada ter feito a esses dois senhores que assim que meteram um pé em liberdade, ameaçaram uma mulher com uma faca para lhe roubar o carro e, já no carro, fizeram mais de 20 minutos de assaltos por esticão por Lisboa até serem detidos por agentes da Divisão de Investigação Criminal da PSP. Voltaram, claro está, à prisão!

Dois homens saem da prisão para assaltar mulheres em Lisboa 

Acabados de ganhar o direito a uma saída precária da prisão de Vale dos Judeus, Azambuja, onde cumprem penas pesadas por roubos e tráfico, os dois reclusos de 50 e 53 anos espalharam caos e medo em Lisboa. Começaram por roubar por carjacking um Renault Twingo a uma mulher, encostando-lhe uma faca ao pescoço. E a seguir, ao volante do mesmo carro, fizeram em 20 minutos dois esticões. Foram travados por agentes da Divisão de Investigação Criminal da PSP.
Às 16h30, a dupla aterrorizou a primeira vítima, na rua Aprígio Mafra, centro de Lisboa. Uma mulher, de 50 anos, estava dentro do carro quando os dois homens atacaram. Encostaram--lhe uma faca ao pescoço e atiraram-na para fora da sua viatura. A vítima alertou logo a PSP.

Assaltos por esticão
No novo carro, percorreram quase cinco quilómetros até avistarem um alvo: uma mulher que caminhava na avenida Luís Bívar. A faca foi usada para ameaçar a vítima, a quem puxaram violentamente a mala, com dinheiro e todos os seus bens.
Nesta altura, já vários meios da PSP encetavam esforços para apanhar os assaltantes que, ao volante do Renault, procuravam nova vítima. A poucos quilómetros, uma turista inglesa viu-se com uma faca apontada e a mala a ser levada pela mesma dupla.
O carro foi avistado por elementos da PSP, que encetaram perseguição.
A dupla abandonou o carro no Lumiar e fugiu a pé. O homem de 53 anos, preso desde 2005, condenado a mais de dez anos por tráfico de droga, foi pouco tempo depois apanhado, às 17h35. Saíra da prisão na véspera. Por capturar estava o cúmplice de 50 anos – a cumprir pena desde o início dos anos 90 por roubos violentos. Também saíra de Vale dos Judeus no dia anterior. Foi apanhado horas mais tarde, na casa de familiares, na Alta de Lisboa.


Agência de Notícias 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010