Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Adega Cooperativa de Palmela homenageia Filipa Vacondeus e chefe Silva



Adega sem Fronteiras chega ao fim

A iniciativa Adega sem Fronteiras, promovida pela Adega Cooperativa de Palmela ao longo dos últimos meses, termina já este domingo com uma homenagem a dois dos mais famosos cozinheiros portugueses, que muito contribuíram para a promoção da gastronomia nacional, Filipa Vacondeus e o chefe Silva. O almoço incluirá cinco pratos confeccionados a partir de receitas dos dois populares cozinheiros portugueses.

Filipa Vacondeus encerra Adega Sem Fronteiras, em Palmela 

Inserida na programação “Palmela Cidade Europeia do Vinho 2012”, a iniciativa decorrerá nas instalações da adega (com a homenagem a ter início às 12 horas, seguida de almoço) e aposta na harmonização entre as ementas propostas e os vinhos da extensa carta da empresa.
A exemplo do que tem vindo a acontecer, este almoço apresentará cinco propostas gastronómicas – entrada, três pratos e sobremesa - que terão como base três receitas do chefe Silva e duas de Filipa Vacondeus. O almoço incluirá pratos confeccionados a partir de receitas dos dois cozinheiros: Vichyssoise (Filipa Vacondeus), acompanhado pelo vinho “Adega de Palmela Branco 2011”; Tamboril à Marinheira (Filipa Vacondeus) regado com “Vale dos Barris Moscatel 2011”; Bifes de Atum à Algarvia (chefe Silva), acompanhado por “Vale dos Barris Pink 2011”; Frango na Púcara à Moda de Alcobaça (chefe Silva), regado com “Vale dos Barris Syrah 2009”; Bolo de S. Tomé (chefe Silva) servido com “Adega de Palmela - Moscatel de Setúbal 2005” e Aguardente “Moscatel Amus”.
Filipa Vacondeus fez questão de apresentar uma proposta que sublinha a sua versatilidade na cozinha e a “internacionalização do casamento” dos vinhos da Adega Cooperativa de Palmela (Vichyssoise) e outro que sublinha a qualidade dos peixes da nossa costa (tamboril).
As propostas apresentadas pelo chefe Silva foram incluídas nas primeiras edições da revista Teleculinária e do seu primeiro programa televisivo. O Bolo de S. Tomé foi capa da Teleculinária nº 1 em Dezembro de 1977. O Frango na púcara à moda de Alcobaça integrou a Teleculinária em Março de 1978. O Bife de atum à algarvia integrou a Teleculinária em Agosto de 1978.

Festival de sabores
Depois das propostas gastronómicas de confrarias portuguesas de várias regiões do país, da confraria de Angola e da cozinha moderna através da Escola de Hotelaria de Setúbal, “pretendemos homenagear toda a cozinha tradicional portuguesa, através de dois cozinheiros que muito contribuíram para a divulgação e promoção dos produtos portugueses e da nossa gastronomia”, refere o presidente da adega palmelense.
José Carlos Caleiro acrescentou ainda que “sendo o vinho o companheiro indispensável numa boa refeição, esta homenagem faz ainda mais sentido no ano em que Palmela é Cidade Europeia do Vinho e no âmbito da nossa iniciativa ‘Adega sem Fronteiras’ que decorreu nas nossas instalações entre Março e Agosto”.
De salientar que no dia 1 de Setembro, no âmbito da 50ª edição das Festas das Vindimas de Palmela, será lançado um livro com as receitas de todas as especialidades gastronómicas apresentadas durante os seis meses da Adega sem Fronteiras, que contou com a participação das Confrarias Gastronómicas de Palmela, do Moscatel, da Chanfana, de Angola, do Bacalhau, dos Saberes e Sabores do Lousal, do Toiro Bravo, dos Nabos e Companhia, e da Escola Superior de Hotelaria e Turismo de Setúbal.

Agência de Notícias 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010