Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Obra melhora sistema de saneamento em Setúbal

Autarquia investe 2,5 milhões na melhoria da rede de saneamento da cidade 

A Câmara de Setúbal lançou uma operação de melhoria do sistema de saneamento da cidade, com a execução de três ações estruturantes, num investimento superior a 2,5 milhões de euros com financiamento comunitário. A “Otimização do Sistema de Saneamento de Setúbal”, designação da operação impulsionada pela autarquia para melhoria da qualidade de vida no território, é dinamizada no âmbito do Programa Operacional da Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, no âmbito do Portugal 2020. O projeto inclui a execução de três ações estruturantes – “Estação Elevatória dos Combatentes”, “Emissário Ciprestes – Bonfim” e “Desativação da ETAR de Pontes” –, num investimento global de 2 milhões, 572 mil e 389 euros, montante comparticipado em 85 por cento por fundos comunitários.
Obra deve estar concluída no final deste ano 


A operação foi iniciada no final de Julho com a ação “Desativação da ETAR de Pontes”, a qual, com conclusão prevista para Janeiro de 2018, inclui a construção de uma estação elevatória e de um emissário nas Pontes, assim como a criação de um coletor com cerca de quatrocentos metros na Rua 28 de Março.
A empreitada, orçada em 375 mil 234 euros, com financiamento a 85 por cento através de fundos comunitários, contempla ainda a execução de uma estação e de uma conduta elevatórias no Bairro do Capador, a par da desativação de estações elevatórias obsoletas existentes no bairro e na Rua da Junta.
A “Otimização do Sistema de Saneamento de Setúbal”, que apresenta um investimento da Câmara Municipal de Setúbal no valor de 385 mil e 858 euros, visa a gestão eficiente dos recursos e das infraestruturas de saneamento urbano, o que se traduz no aumento da qualidade do serviço prestado às populações.
"O projeto, com prazo máximo de conclusão definido para Dezembro de 2018, aponta também à melhoria da sustentabilidade dos sistemas de saneamento, objetivo no âmbito da prioridade comunitária 'Ciclo Urbano da Água', assegurado por via do fecho do circuito do sistema de saneamento de águas residuais de Setúbal", explica a autarquia em comunicado.
Esta solução permite "otimizar a utilização da capacidade instalada do sistema intercetor e de tratamento da Estação de Tratamento de Águas Residuais de Setúbal, concretamente através da execução da ligação entre os sistemas de saneamento em alta e em baixa", conclui o comunicado.

Agência de Notícias com Câmara de Setúbal 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010