Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Mata mulher a tiro no Laranjeiro


Paternidade de criança na origem do crime  

Motivos passionais estiveram na origem da briga que terminou com o assassinato de uma mulher na residência onde o casal vivia. Depois de matar a mulher, foi para o café com uma filha ainda bebé. E foi, exactamente a paternidade da criança, que pode estar na base do crime. Escreve o Diário da Região que o homem suspeitava não ser o pai da criança do casal.

Homem disparou mortalmente contra mulher, no Laranjeiro

A mulher, com cerca 30 anos, já tinha sido ameaçada de morte pelo marido há poucas semanas. No último sábado à noite, Rui deslocou-se à casa onde ambos viviam, na rua Nuno Gonçalves, no Laranjeiro, no concelho de Almada, para mais uma vez a maltratar. Desta vez, o vendedor ambulante de peixe concretizou a ameaça e após uma acesa discussão matou a mulher, com um tiro de caçadeira no peito. A morte foi imediata.
Foi detido pouco depois, numa esplanada a dez metros do local do crime, por agentes da PSP do Laranjeiro. Tinha acabado de confessar o homicídio a um amigo. "Ele entrou aqui no café com a filha de quatro meses nos braços e disse-me para ir com ele a casa. Tinha a caçadeira nas mãos, só me contou que tinha feito uma asneira. Pensei logo no pior", disse António Fino, proprietário do estabelecimento onde o confesso homicida foi preso.
A testemunha não contava encontrar tal cenário. Na sala, caído no sofá, estava o corpo da mulher, sem vida. "Ele ainda pegou na caçadeira e encostou-a ao queixo. Disse que se ia matar, mas eu falei-lhe da filha. Pedi-lhe que não o fizesse".
Rui acedeu aos apelos do amigo e deixou a casa, sempre com a arma na mão. "Calmamente, trouxe-o de volta para o café, onde ele se sentou com outros clientes. Ainda pensámos tirar-lhe a arma das mãos mas ele tinha o dedo no gatilho".
Durante este período de tempo, alguém chamou a PSP. "Foi uma vizinha que avisou. Quando a polícia chegou ele estava com a caçadeira. Como não tirava o dedo no gatilho, ainda fez um disparo, mas por sorte não atingiu ninguém", diz o proprietário.
A PSP conseguiu deter o individuou e retirar-lhe a bebé, sem qualquer ferimento.

Agência de Notícias 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010