Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Moita quer tauromaquia como património cultural


Apoios às festas do concelho garantidos

A Câmara da Moita aprovou na última reunião pública, entre várias propostas, a atribuição de apoios financeiros às festas populares, que se realizam em todas as freguesias do concelho, uma proposta de realização e enquadramento da organização das Festas em Honra de Nossa Senhora da Boa Viagem, a autorização à Raríssimas, para constituição de hipoteca, com vista à conclusão do projeto “Casa dos Marcos” e a declaração que reconhece a Tauromaquia como património cultural imaterial do município.
Autarquia aprova apoio a todas as festas do concelho 

Considerando que as festas populares que se realizam em todas as freguesias do concelho constituem momentos altos da vivência da comunidade, o Município da Moita vai continuar a disponibilizar apoios financeiros e logísticos diversos. A vereação aprovou, assim, a atribuição dos seguintes apoios financeiros: Sarilhos Pequenos (4 860 euros), Rosário (4 860 euros), Vale da Amoreira (5 468 euros), Alhos Vedros (9 113 euros) e Baixa da Banheira (18 225 euros), no valor total de 42 526 euros.
Foi igualmente aprovada uma proposta de realização e enquadramento da organização da edição de 2012 das Festas em Honra de Nossa Senhora da Boa Viagem, que decorrem entre 7 e 16 de setembro, na Moita. A proposta define as competências da Comissão Coordenadora de Festas do Município da Moita, o horário de funcionamento, a organização do recinto, a identificação de lugares e valor mínimo das propostas de pagamento, a apresentação e o prazo de entrega das candidaturas, as normas de segurança, entre outras matérias.

Tauromaquia como património cultural
Tendo em conta que a Tauromaquia assume, no município da Moita, uma relevante importância cultural, social e económica, fomentando o desenvolvimento turístico, permitindo difundir a cultura, promover valores, costumes e tradições, possuindo ainda um inestimável valor para os munícipes, a Câmara da Moita aprovou e vai submeter também à aprovação da Assembleia Municipal, uma declaração, reconhecendo a Tauromaquia como património cultural imaterial do município

Outros apoios
Nesta reunião, foi ainda aprovada a atribuição de apoios financeiros no valor de 750 euros, à Sociedade Recreativa e Cultural União Alentejana, para apoiar a realização da Semana Cultural Alentejana, e no valor de 500 euros, ao Rancho Etnográfico de Danças e Cantares da Barra Cheia, para apoiar a 30ª edição do Festival de Folclore da Região Caramela.

Agência de Notícias 

0 comentários:

Publicar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010