Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

PSP e GNR em acão no distrito de Setúbal

PSP agredido na Baixa da Banheira e GNR desmantela rede de tráfico de droga no Montijo, Alcochete e Pinhal Novo 

Nove pessoas foram detidas durante uma operação que desmantelou uma rede de tráfico de droga com atuação na área Metropolitana de Lisboa, envolvendo cerca de 100 elementos policiais, anunciou o Comando de Setúbal da GNR. Numa nota, a Guarda Nacional Republicana  realçou que foram detidos sete homens e duas mulheres, com idades entre os 17 e os 40 anos, no culminar de uma investigação que decorria há cerca de um ano. O grupo “atuava em rede, fazendo do tráfico de estupefacientes o seu modo de vida, operando desde o local de aquisição”, na Grande Lisboa, “até à distribuição nas localidades de Camarate, Montijo, Alcochete, Pinhal Novo e Vendas Novas”.
GNR apanhou rede que se dedicava ao trafico de droga 

As autoridades desencadearam uma operação que incluiu oito buscas domiciliárias, oito buscas não domiciliárias e o cumprimento de sete mandados de detenção fora de flagrante delito.
Durante a operação foram apreendidas 6.654 doses de haxixe, 156 doses de folhas de canábis, 150 sementes de plantas de canábis e uma estufa de cultivo com diversos materiais, como aquecedores e extratores, e com 16 plantas em crescimento.
Os militares apreenderam ainda dois automóveis, 15 telemóveis, diverso material informático, 5.700 euros em numerário, duas armas de fogo, uma espingarda de pressão de ar e munições.
Os detidos foram presentes na quinta-feira no Tribunal do Barreiro para primeiro interrogatório judicial.
A operação empenhou diversos destacamentos do Comando Territorial de Setúbal e contou com o apoio do Grupo de Intervenção de Operações Especiais e do Grupo de Intervenção Cinotécnico, ambos da Unidade de Intervenção, e da Polícia de Segurança Pública.

Polícia agredido a murro na Baixa da Banheira 
Um agente da PSP foi agredido com um murro por um homem na Baixa da Banheira, concelho da Moita. O caso ocorreu na noite de sábado e o homem de 39 anos acabou por ser detido no local, anunciou a força policial.
"Após informação de desavenças familiares, uma patrulha da PSP deslocou-se ao local. Ao abrir a porta da residência, um dos intervenientes, de forma inesperada, desferiu um soco na face de um dos agentes", refere a PSP em comunicado.
Segundo as autoridades, o agressor proferiu ameaças e injúrias a todos elementos que estavam no local. "Prontamente manietado, o suspeito reagiu de forma persistente com violência", acrescenta a polícia.
O homem acabou por ser detido e notificado para comparência em tribunal.

Agência de Notícias com Lusa 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010