Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Palmela, Setúbal, Almada e Sesimbra cantam as Janeiras

Região despede-se da época natalícia no dia de Reis 

A encerrar a quadra festiva, as tradicionais Janeiras voltam a sair à rua um pouco por todo o distrito de Setúbal neste sábado, dia de Reis. O dia remete-nos, como noutras celebrações, para tempos remotos, em que se celebravam deuses e divindades pagãs ou eram pedidas ou oferecidas dádivas no início do ano comum, símbolo de bom augúrio, quer para quem as pedia, quer para quem as doava. Hoje a mensagem é clara: saudar os Reis Magos, lembrar o Natal e dar as boas vindas ao novo ano é a missão do movimento associativo que continua a manter viva a tradição de séculos. Palmela, Sesimbra, Almada, Montijo e a capital do distrito celebram o fim do Natal e dão boas novas a 2017. Assista às comemorações do Dia de Reis e despeça-se da melhor forma da quadra natalícia.
As Janeiras vão animar o centro histórico no sábado à noite

No dia 6 de Janeiro, Palmela cumpre mais uma vez a tradição da celebração das Janeiras, quando a população sai à rua para celebrar a Noite de Reis e o novo ano.
O desfile dos grupos corais que participam na iniciativa tem início pelas 21 horas, nos Paços do Concelho, e percorre o Centro Histórico da vila, com paragem na Praça Duque de Palmela, Largo do Mercado, Junta de Freguesia e sede do Grupo dos Amigos do Concelho de Palmela.
O percurso termina no Largo de S. João, com a actuação final e um momento de convívio, com partilha do bolo rei e moscatel.
Participam nesta edição das Janeiras o Centro Social de Palmela, o Grupo 40 de Palmela da Associação de Escoteiros de Portugal, o Grupo de Cantares Modalentejo, o Grupo Coral “Ausentes do Alentejo”, o grupo de crianças e jovens das Férias Culturais – Passos e Compassos, a Sociedade Filarmónica Humanitária, a Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros”, a Associação de Idosos de Palmela e a Santa Casa da Misericórdia de Palmela.
"Este ritual popular, tão característico do Centro Histórico e motivo de atração turística, foi retomado pela Câmara de Palmela em 1995, numa organização conjunta com o Movimento Associativo local, e conquistou o seu lugar no calendário cultural da região", diz a autarquia.

Almada cumpre tradição com o programa "Vamos Cantar as Janeiras" 
Cumpre-se a tradição das Janeiras. São mais de três dezenas de grupos corais, etnográficos e tunas académicas do concelho de Almada que se juntam em redor de uma grande fogueira, instalada no átrio do Solar para cantar temas tradicionais portugueses.
Desde o dia 3 de Janeiro grupos corais, etnográficos e as tunas universitárias vão surpreender-nos com o calor das suas vozes, um pouco por todo o concelho.
Dezenas de grupos vão percorrer ruas, escolas, igrejas, lares, entre outros espaços do concelho.
Ao todo estão previstos quase 30 concertos, com destaque para a noite de 6, no Solar dos Zagallos.
Aqui, a partir das 21 horas e em torno de uma enorme fogueira, os grupos corais, etnográficos e as tunas universitárias do concelho vão interpretar temas tradicionais para todos os presentes.
"E é com a união das vozes que começamos o novo ano em Almada", sublinha a autarquia de Almada em comunicado. 

Os Reis Magos em Sesimbra
Reis Magos estão a chegar a Sesimbra 
O Dia de Reis é uma celebração associada à tradição natalícia, segundo a qual, na noite de 5 para 6 de Janeiro, três Reis Magos do Oriente, Belchior, Baltazar e Gaspar, guiados por uma estrela, visitaram o Menino Jesus. Os Reis Magos levaram de presente ouro, incenso e mirra. 
No sábado, os três Reis Magos passam pelo concelho de Sesimbra onde prometem fazer as delícias dos mais pequenos e dos graúdos. A rota dos Reis arranca em Quinta do Conde e encerra ao anoitecer na vila de Sesimbra. 
O Dia de Reis é comemorado mais uma vez com a passagem dos três reis magos, Baltazar, Belchior e Gaspar, pelas três freguesias, onde entregarão presentes às crianças.
Tal como tem sido hábito nos últimos anos, no dia 6 de Janeiro, os réis vão distribuir presentes pelas crianças ao som das Janeiras, cantadas pelo Grupo Coral A Voz do Alentejo. A animação acontece às 10h30 no Mercado Municipal da Quinta do Conde, às 14h30 horas no Parque Augusto Pólvora, na Maçã, e às 17 horas na Fortaleza de Santiago, em Sesimbra.

Janeiras ouvem-se nos Paços do concelho em Setúbal
A Câmara Municipal de Setúbal ouve cantar as tradicionais janeira sexta-feira ao final da tarde, com música a várias vozes a ecoarem nos Paços do Concelho.
A iniciativa, com início às 18 horas, de entrada gratuita, constitui um momento de partilha e de confraternização que simboliza o encerramento da temporada natalícia na cidade.
O momento musical, que conta com a presença do Executivo municipal, realiza-se, como habitualmente, na entrada do edifício-sede da Câmara Municipal de Setúbal, espaço decorado com motivos festivos.
As janeiras são interpretadas pelos grupos corais alentejanos “Os Amigos do Independente” e “Os Amigos dos Sadinos”, a que se junta o Coro do Município “Afina Setúbal”.

Concerto de Reis na Atalaia, Montijo 
Este ano, o tradicional Concerto de Reis é na Igreja de Nossa Senhora da Atalaia, no dia 6 de Janeiro, às 16 horas.
Como já vem sendo tradição, a Câmara do Montijo organiza um concerto com o Grupo Coral do Montijo que traz, como seu convidado, o Grupo Coral da Academia 1.º de Junho de 1893 (Lumiar).
O Grupo Coral do Montijo, fundado em 2007, é uma associação que integra um Coro Misto constituído por elementos de diversos níveis etários que cantam “a capella” a quatro vozes (sopranos, contraltos, tenores e baixos). Através dos seus concertos, divulgam um repertório variado, do clássico ao contemporâneo com particular incidência na música popular portuguesa e estrangeira. Tem como diretor artístico, desde a sua fundação, o Maestro José Balegas.
A Academia Musical 1.º de Junho de 1893, também conhecida por Academia do Lumiar, foi fundada no final do Século XIX e fica situada na Freguesia do Lumiar (Lisboa). Teve como motivo fundacional a prática musical, mais precisamente, o desenvolvimento de uma Banda Filarmónica, mas diversificou a sua ação, tendo hoje ao dispor atividades desportivas, recreativas e culturais, como é o caso do Grupo Coral dirigido pelo Maestro Alberto Oliveira.
Estes dois grupos vão, através das suas canções, enaltecer o espírito natalício, proporcionando-nos uma agradável tarde musical.
O Concerto de Reis é o evento de encerramento da programação Natal com Arte que, desde o dia 25 de Novembro de 2017, levou a magia do Natal a todas as freguesias do concelho e ao centro da cidade do Montijo.
A autarquia informa ainda que disponibiliza transporte (autocarro com capacidade máxima de 37 lugares) do Montijo para a Atalaia, com partida às 15h30, do edíficio dos Paços do Concelho.

Agência de Notícias 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010