Dá um Gosto ao ADN

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Arte urbana embeleza reservatório em Alcochete

Flamingos do estuário do Tejo no reservatório de água do Batel 

Os flamingos do estuário do Tejo serviram de inspiração para a arte urbana de Vitó Julião que por estes dias andou a colorir o reservatório de água do Batel, situado junto à urbanização dos Barris em Alcochete. As aves icónicas da Reserva Natural do Estuário do Tejo projetam a sua colorida plumagem e graciosidade numa infraestrutura municipal que estava a necessitar de manutenção.
Arte Urbana chega  à Urbanização dos Barris  em Alcochete 


Vitó Julião utilizou a técnica da pintura com latas de spray e o conceito inspirou-se no estuário do Tejo com os flamingos: “Usei os tons azuis e cor-de-rosa para dar cor a todo o conjunto. Pretendo que a obra seja atrativa, que dê cor a este local e que as pessoas sejam atraídas pelas cores e gostem desta manifestação artística”, disse o ilustrador e street artist.
Em 2016, Vitó colaborou com a autarquia na iniciativa do Dia das Artes Urbanas no âmbito do programa municipal “Keep Kalm Ké só uma semana” e testemunhou o entusiasmo dos jovens de Alcochete quanto a estas manifestações artísticas no espaço público.
Datado de 1946, o reservatório de água do Batel foi construído para garantir o abastecimento de água à vila de Alcochete. Com a inauguração dos reservatórios apoiados em 1988, o reservatório do Batel/Barris ficou fora de serviço para fornecimento de água para consumo humano, pois estava a uma cota inferior e passou posteriormente a abastecer a rede separativa de rega, contribuindo assim para uma gestão mais eficiente do consumo de água na rega dos espaços verdes da vila de Alcochete.

Agência de Notícias com Câmara de Alcochete 
×

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010