Dá um Gosto ao ADN

quarta-feira, 29 de março de 2017

Nova Extensão de Saúde de Alvalade está em construção

Centro de Saúde nasce numa antiga escola do concelho de Santiago do Cacém 

A nova extensão de saúde de Alvalade, no concelho de Santiago do Cacém,  está a ser construída na antiga escola do 1.º ciclo da vila. O novo equipamento vai trazer condições renovadas para utentes e profissionais de saúde, uma forte reivindicação da população e das autarquias nos últimos anos, como salientou Rui Madeira, presidente da Junta de Freguesia de Alvalade. “A obra já começou e é mais um exemplo da recuperação de edifícios que temos feito em Alvalade, que estão ocupados por várias associações com serviços estruturais para a freguesia”. A obra.no valor de 300 mil euros, foi visitada esta semana, pelo executivo municipal de Santiago do Cacém, pelo presidente do Conselho Diretivo da ARS Alentejo, José Alberto Robalo, e pelo presidente da Junta de Freguesia de Alvalade. 
Autarcas visitam obras no novo centro de Saúde em Alvalade 

A obra é o reaproveitamento do edifício municipal do antigo refeitório da escola do 1.º ciclo de Alvalade, cedido pela Câmara de Santiago do Cacém. As atuais instalações há muito que não oferecem as condições necessárias para a função que desempenham junto da população. Segundo Álvaro Beijinha, presidente da Câmara Municipal, “a ideia de reaproveitar o edifício é um assunto que já há vários anos tinha sido abordado, infelizmente não foi tão rápido como todos nós gostaríamos, mas o que importa é que agora está-se a avançar e esperamos que a obra seja concluída o mais rápido possível. As pessoas precisam, em particular os mais idosos e as que têm mais dificuldade de mobilidade”.
A da obra, no valor total de 300 mil euros, está a cargo da Administração Regional de Saúde do Alentejo e está a ser executada pela empresa Consdep. A adaptação de edifícios para serviços de saúde é uma prática que tem sido utilizada pela ARS Alentejo, como referiu o seu presidente, José Robalo: “muitos deles são escolas que deixaram de ser ocupadas, que têm construções de boa qualidade e que podem garantir equipamentos adequados para as necessidades na área da saúde. Esperamos que esta obra esteja concluída rapidamente porque as pessoas têm direito a espaços dignos de atendimento”.
O novo equipamento vai trazer condições renovadas para utentes e profissionais de saúde, uma forte reivindicação da população e das autarquias nos últimos anos, como salientou Rui Madeira, presidente da Junta de Freguesia de Alvalade. “Há muitos anos que este equipamento é reivindicado pela população e autarquias. Já tinha sido lançado concurso há alguns anos e não avançou pelas vicissitudes que o país atravessou na altura. A obra já começou e é mais um exemplo da recuperação de edifícios que temos feito em Alvalade, que estão ocupados por várias associações com serviços estruturais para a freguesia”.
Álvaro Beijinha, relembrou a reunião mantida com o Secretário de Estado da Saúde, na qual o autarca sublinhou a necessidade da construção do novo Centro de Saúde em Santiago do Cacém, para o qual a Câmara Municipal já disponibilizou terreno, e a questão do Centro de Saúde de Vila Nova de Santo André, com a necessidade de intervenção ao nível da cobertura. O Ministério da Saúde referiu que irá avançar, em 2018, com estes novos investimentos, no âmbito do novo quadro comunitário.

Agência de Notícias com Câmara de Santiago do Cacém 
Leia outras notícias do dia em 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010