Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Transportes Coletivos do Barreiro com novos autocarros

Investimento de 18 milhões na aquisição de 60 viaturas novas 

A Câmara do Barreiro anunciou que foi aprovada a renovação da frota dos Transportes Coletivos do Barreiro (TCB), com a aquisição de novas viaturas, num investimento máximo de cerca de 18 milhões de euros. "A Câmara do Barreiro deliberou, sob proposta dos TCB e por unanimidade, a renovação total da frota dos TCB com a aquisição de um máximo de 60 viaturas movidas a gás natural comprimido, durante os próximos dois anos", refere a autarquia num comunicado enviado à Lusa. Rui Lopo, vereador da Câmara do Barreiro que tutela os TCB, referiu que a renovação vai surgir numa altura em que se assinalam os 60 anos de existência do serviço. 
TCB vai comprar 60 novos autocarros até 2019 

"Esta importante e marcante decisão unânime de renovação da frota surge no início do ano em que os TCB assinalam 60 anos de existência, 60 anos dos TCB sempre presentes, 60 anos de um serviço público estruturante para o Barreiro com um enorme impacto na qualidade de vida, na equidade social e territorial, e na promoção da mobilidade e ambiente sustentáveis do concelho", afirmou.
Os TCB são um serviço de transportes municipalizado da autarquia do Barreiro que prestam serviço em todo o concelho e também numa parte do concelho vizinho da Moita, ambos no distrito de Setúbal.
"Esta decisão representa um investimento máximo de aproximadamente 18 milhões de euros, que se repartem em cerca de 14,5 milhões de euros por parte da autarquia, com recurso a financiamento bancário, e 3,5 milhões de euros de fundos comunitários, através de uma candidatura ao Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos (POSEUR), ainda sujeita a elaboração e aprovação", salientou o autarca.
O município refere que, de acordo com o estudo económico e financeiro que sustenta a operação, está previsto que seja possível amortizar o investimento num horizonte entre os sete e os 18 anos, devido à "diferença de preço entre o gás e o gasóleo, redução de custos de manutenção e um expectável aumento do serviço e do número de passageiros".
"Esta operação inclui também a instalação de um novo posto de abastecimento de gás natural comprimido financiado a 85 por cento. A renovação da frota surge após um ano muito intenso, marcado pela concretização de um anseio com dezenas de anos, em que os TCB alargaram a sua atividade para fora dos limites do concelho, com a ida às freguesias de Alhos Vedros, Baixa da Banheira e Vale da Amoreira [Moita] e o reforço das carreiras 8, 14 e 15 na freguesia do Lavradio, tendo esta reestruturação da oferta contribuído para o aumento do número de viagens mensais na ordem das 50 mil nos últimos três meses de 2016", acrescentou o autarca.

Agência de Notícias com Lusa 

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010