Dá um Gosto ao ADN

terça-feira, 31 de maio de 2016

Alcochete realizou uma feira da saúde no concelho

"Marcar na agenda política local a importância da saúde" 

“Alimentação, atividade física e bem-estar” foi o tema em destaque na 5.ª Feira da Saúde que decorreu no jardim do Rossio, em Alcochete,  e que apresentou uma panóplia de propostas e sugestões de atividades e ações de saúde preventiva. O presidente da Câmara de Alcochete destacou que mesmo a saúde preventiva tem subjacente critérios económico-financeiros e que o “serviço nacional de saúde tem sido depauperado e desfigurado na sua essência”, disse Luís Miguel Franco. Mais de quarenta entidades marcaram presença neste evento que, durante três dias, convidou os visitantes a realizarem rastreios, a experimentarem novos tratamentos, a conhecerem novos produtos e a participarem em iniciativas desportivas e de lazer.
Feira da Saúde, em Alcochete, atraiu milhares de pessoas 

A entrada foi livre nesta montra saudável que apresentou três espaços diferenciados: um espaço infantil, o espaço yoga, onde decorreu o I Festival de Yoga de Alcochete, e o espaço de expositores onde se encontravam as várias entidades ligadas a setores tão diversos como o alimentar, estético, bem-estar, educativo ou desportivo.
Organizada pela câmara municipal, numa parceria com o ACES do Arco Ribeirinho, a 5.ª Feira da Saúde teve a sua abertura oficial numa cerimónia simbólica que contou com a presença do executivo camarário, do coordenador de saúde pública do agrupamento de centros de saúde do arco ribeirinho (ACES), Mário Durval, da doutora clínica do ACES, Maria José Branco, e de vários representantes e parceiros locais que integram a rede social concelhia.
A fechar as intervenções, o presidente da câmara de Alcochete, Luís Miguel Franco, sublinhou que a realização deste evento, que conta com cinco edições, tem um objetivo subjacente: “marcar na agenda política local a importância da saúde nas suas mais diversas formas e dimensões”.
Sendo igualmente uma iniciativa integrada numa política promotora da saúde que tem sido amplamente dinamizada pela câmara municipal, Luís Miguel Franco, destacou que mesmo a saúde preventiva tem subjacente critérios económico-financeiros e que o “serviço nacional de saúde tem sido depauperado e desfigurado na sua essência”. “Não por culpa dos profissionais de saúde porque quer os médicos, como os enfermeiros e o pessoal técnico merecem a nossa mais sublime homenagem, mas por conta de políticas governativas completamente discriminatórias, até porque não nos podemos esquecer que a saúde é apetecível para o setor privado”, afirmou o autarca.
Por sua vez, também a vereadora com o pelouro da saúde, Susana Custódio, salientou que a prevenção da saúde não se esgota na realização da feira, visto que, no município de Alcochete, “ temos uma programação de atividades desportivas oferecidas, desde o pré-escolar até aos nossos seniores, assim como um programa de alimentação saudável e, recentemente, aderimos ao projeto cidade dos afetos porque a saúde também se faz com sentimentos, com afetos e com o nosso bem-estar interior. E todos estes programas, de forma interligada são, efetivamente, promotores de saúde”.

Evento para incentivar os cidadãos a olhar para a saúde
Susana Custódio também reforçou que a realização destes eventos, com estas caraterísticas, só são possíveis “graças ao empenho, dedicação e trabalho de equipa dos trabalhadores da câmara municipal”, acrescentando ainda que “numa estrutura magra, com quatro divisões, conseguirmos prestar serviço público diário e conseguirmos realizar eventos pontuais, como a feira da saúde ou a feira quinhentista que se aproxima, só mesmo com um corpo de trabalhadores empenhados”.
O coordenador de saúde pública do agrupamento de centros de saúde do Arco Ribeirinho, Mário Durval, realçou que é, cada vez mais importante, a realização de eventos desta natureza que incentivam os cidadãos a olhar para a saúde de uma perspetiva diferente. “A mensagem que aqui passamos nesta feira é de entendimento, afetos, alimentação saudável e são estas mensagens de saúde que fazem parte do nosso plano local de saúde do arco ribeirinho”, disse.
Da mesma opinião partilhou a doutora clínica do ACES, Maria José Branco, que acrescentou ainda que saúde não é só ausência de doença, mas é também um bem-estar físico, psíquico e social”.

Agência de Notícias


0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010