Dá um Gosto ao ADN

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Presidente da República visitou Marinha em Almada

"Moral das Forças Armadas é excelente"

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou que os meios da Marinha "ainda são insuficientes" para as missões que tem a cargo e afirmou esperar que seja possível reforçar os meios disponíveis. Há uma programação para a construção, em curso, e porventura para a aquisição de novos meios. Mas os meios de que dispõe a Marinha portuguesa ainda são insuficientes para as missões que tem a cargo", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa, que visitou ontem pela primeira vez a Marinha, na Base Naval do Alfeite,  em Almada.
Marcelo Rebelo de Sousa visitou a Marinha a bordo de uma lancha 

Um mês depois de ter discursado às tropas pela primeira vez, Marcelo Rebelo de Sousa voltou a vestir a farda de comandante supremo das Forças Armadas e a visitar a Marinha, onde reconheceu que faltam meios para cumprir as muitas missões que tem a seu cargo.
Marcelo Rebelo de Sousa, que foi acompanhado na primeira parte da visita pelo ministro da Defesa Nacional, Azeredo Lopes, visitou o navio de patrulha oceânico Viana do Castelo e o submarino Tridente, assistindo em seguida a um desfile dos militares.
“Há uma programação até 2020 para a construção já em curso e, porventura, para a aquisição e novos meios, mas os meios de que dispõe a Marinha ainda são insuficientes para as missões que tem a cargo”, afirmou esta quarta-feira o Presidente da República no final da sua primeira visita à Base Naval de Almada, quando Azeredo Lopes já não estava no Alfeite.
Nos poucos minutos que dedicou à imprensa, o chefe de Estado lembrou a seguir o extenso leque de missões da Armada, dando como exemplo o combate ao tráfico de seres humanos no Mediterrâneo, os exercícios multinacionais de segurança marítima no Golfo da Guiné, o apoio à pesca no Atlântico Norte, sem esquecer as missões permanentes de acompanhamento da Zona Económica Exclusiva, que, como fez questão de lembrar Marcelo, inclui não só o continente bem como as regiões autónomas.
“Espero que seja possível reforçar os meios disponíveis, quer no caso da Marinha, quer no caso dos outros ramos das Forças Armadas”, insistiu o Presidente da República.
Apesar de tudo isto, o Presidente da República afirmou esta quarta.-feira, na base naval do Alfeite, que "o moral das Forças Armadas é excelente".
É apenas uma primeira visita, terei oportunidade de fazer outras visitas no futuro à Marinha e espero ter a oportunidade de poder estar com [o Navio Escola] Sagres no Brasil aquando da realização dos Jogos Olímpicos, portanto no começo do mês de Agosto", disse o Presidente.
Da agenda do comandante supremo consta, nas próximas semanas, a visita ao Exército e a seguir à Força Aérea, respeitando, como é da praxe, a sequência histórica da criação dos três ramos das Forças Armadas, e comprometeu-se ainda a visitar os estabelecimentos de ensino militar.

Agência de Notícias

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010