Dá um Gosto ao ADN

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Cabaz do Peixe em Sesimbra, Palmela e Arrentela

O melhor peixe de Sesimbra a preços únicos 

Promover a pesca artesanal e as espécies menos valorizadas e fazer chegar ao consumidor peixe fresco a um preço mais acessível são as principais vantagens do Cabaz do Peixe, promovido pela Associação de Armadores de Pesca Local e Artesanal do Centro e Sul, que pretende promover a comercialização de proximidade entre o pescador, produtor e o consumidor. O cabaz tem o valor único de 20 euros, com cerca de três quilos, e inclui três ou mais espécies. Entre as disponíveis, o cliente pode indicar três que não pretende receber. O peixe é entregue amanhado e o pagamento é feito no ato da entrega. Atualmente este cabaz é entregue em Sesimbra, Palmela e Arrentela, Seixal. 
Cabaz do Peixe tem atraido cada vez mais clientes 


O cabaz varia entre os 2,5 quilos, peso bruto do Cabaz Leve, que inclui duas ou mais espécies pelo valor de 13 euros, e os 4 quilos, peso bruto do Cabaz Família, que inclui três ou mais espécies pelo valor de 20 euros.
Sardinhas, carapaus, abróteas, cantarilhos, pescadas, cavalas e polvos, são algumas das 23 espécies da lista, podendo o cliente indicar três que não pretende receber. Todo o peixe entregue aos clientes é amanhado logo que chega a terra, o que constitui uma garantia de frescura e qualidade.
Dinamizado pela Associação de Armadores de Pesca Local e Artesanal do Centro e Sul, o Cabaz do Peixe é um projeto pioneiro em Portugal que tem como objetivo promover a pesca artesanal e as espécies menos valorizadas, fazendo-as chegar ao consumidor a "um preço mais acessível através da comercialização de proximidade entre o pescador e o consumidor, que contribui para valorizar o pescado capturado maioritariamente por pequenas embarcações de pesca artesanal sesimbrense", diz a associação.
"Trata-se de um produto bastante interessante, com um conjunto de vantagens quer para o consumidor, quer para a Associação dos Armadores da Pesca Artesanal e Local do Centro e Sul", diz a organização. "Para o consumidor, pela facilidade de compra, pelo acesso a variedades desconhecidas e por melhores preços pela diminuição da cadeia de comercialização. Para a Associação, pelo aumento da receita provocado devido ao aumento da procura e pelo escoamento de espécies de pescado, até aqui, com difícil comercialização", referem os responsáveis pelo Cabaz do Peixe, por terras de Sesimbra, Quinta do Conde, Palmela e de Arrentela, no concelho do Seixal, onde chegou no final do ano passado.
"Todos os peixes que integram o cabaz são comprados pela associação no próprio dia de captura, e de seguida são escamados e eviscerados, a fim de serem entregues aos consumidores preparados para cozinhar", explica ainda a Associação de Armadores de Pesca Local e Artesanal do Centro e Sul.

Iniciativa já conta com uma menção honrosa 
O secretário de Estado do Mar, durante a apresentação da iniciativa, destacou a importância do projeto. “É uma iniciativa que contribui para valorizar o pescado semibreves e que, tenho a certeza, terá muito sucesso”.
Já Augusto Pólvora, presidente da Câmara de Sesimbra, entidade que apoia o projeto, sublinha que o Cabaz do Peixe “promove a diminuição das rejeições, contribui para reforçar a ligação entre o pescador e o consumidor, e tem o mérito de dinamizar a pesca artesanal sem aumentar o esforço de pesca”.O Cabaz do Peixe de Sesimbra recebeu uma Menção Honrosa na 4ª edição do Prémio Nacional Agricultura 2015, uma iniciativa do Banco BPI e do Grupo Cofina, com apoio do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, que distingue projetos nas áreas da agricultura e agro-indústria, pescas e aquacultura, e florestas e pecuária.
O prémio foi entregue no dia 20 de Janeiro, em Lisboa, numa cerimónia onde também foram reconhecidas outras iniciativas de todo o país.

Horários e locais de entrega

Sesimbra
Moagem de Sampaio, junto à rotunda de Santana
Sextas, das 17 às 19h
(encomendas até às 14 horas de quarta-feira)

Quinta do Conde
Rua Pedro Álvares de Cabral, junto à Junta de Freguesia da Quinta do Conde
Quintas, das 17h30 às 19h
(encomendas até às 14 horas de terça-feira)

Palmela
Espaço Fortuna Artes e Ofícios
Sábados, das 10h30 às 12h
(encomendas até às 14 horas de quinta-feira)

Arrentela / Seixal
Largo 25 de Abril, junto à Junta de Freguesia da Arrentela
Quartas-feiras, das 17h30 às 19h
(encomendas até às 14 horas de segunda-feira)

Mais informações em www.cabazdopeixe.pt ou pelo telefone 21 228 05 86.

1 comentários:

Mônica disse...

E Setúbal, deveria haver também não é?! Seria tão bacana!!! :-)

3 de março de 2016 às 23:11

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010