Dá um Gosto ao ADN

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Fábrica sueca inaugurada em Setúbal esta terça-feira

Parque da Sapec Bay recebe investimento da Alfa Laval 

A presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira, marca presença, esta terça-feira, 17 de Novembro, no Parque Industrial Sapec Bay, na Mitrena, na inauguração da unidade operacional de Portugal da empresa sueca Alfa Laval. Juntamente com representantes da empresa, entre os quais o vice-presidente executivo, Nish Patel, e o diretor da Alfa Laval Portugal, Paulo Simões, a autarca assinala a abertura das novas instalações localizadas naquele parque industrial do concelho.
Suecos inauguram hoje fabrica no parque da Sapec, na Mitrena

O centro de produção, serviços e reparação de Setúbal vai cobrir os mercados da Europa e da América do Norte com o fabrico e reparação de peças para caldeiras e outros componentes para dar serviço a bordo de navios.
As novas instalações, que incluem os escritórios comerciais anteriormente localizados em Lisboa, têm três mil metros quadrados de área e devem estar em pleno funcionamento ainda durante o Outono.
A Alfa Laval atua em várias áreas, em particular no desenvolvimento de equipamentos e serviços para aquecer, arrefecer, separar e transportar produtos farmacêuticos, óleo, hidrocarbonetos, água, compostos químicos, bebidas, alimentos e amido.
A empresa, presente em cerca de cem países, emprega perto de 18 mil pessoas e alcançou quase quatro mil milhões de euros em vendas em 2014, mais 18 por cento do que em 2013.

Um gigante sueco atraca em Setúbal 
Para Jo Vanhoren, Director Geral da Alfa Laval Ibéria, “Setúbal é um lugar óptimo para oferecer um serviço de alta qualidade aos nossos clientes da Europa e da América do Norte da indústria naval e, claro, beneficia de uma localização estratégica na Península Ibérica que garante o melhor serviço. Desde aqui vamos gerar novas oportunidades de negócio, além de atrair talento por se tratar de pessoal altamente qualificado”. Na actualidade está aberta a apresentação de candidatos para cobrir os postos de director do centro, soldadores e operários especializados no fabrico de caldeiras.
A Divisão Marítima e Diesel na Alfa Laval representa aproximadamente 35 por cento do volume total de negócio da empresa com vendas de 10.870 milhões de coroas suecas (1,1 milhões de euros) e emprega no mundo 3.127 pessoas.
“Tanto a equipa humana como as novas instalações reforçarão a presença da Alfa Laval no mercado global de serviço e reparação na indústria naval, e permitir-nos-á oferecer um serviço inclusive mais amplo e uma resposta ao cliente mais eficaz”, afirma por seu lado Hans Henrik Jensen, Director Global do Mercado Pós-venda Marítima e Diesel de Alfa Laval.
Em Portugal o seu portfolio de clientes inclui navios de pesca, armadores, iates, centrais térmoeléctricas diesel, distribuidores e agentes da marinha. Entre os seus equipamentos mais sofisticados para o sector figuram os dessalinizadores, permutadores de calor, equipamentos para o tratamento de água de lastro, sistemas de gás inerte, limpeza de tanques, de água de lavagem de gases de evacuação, sistemas de tratamento de óleo e do seu tratamento residual, aquecedores de fluídos térmicos e equipamentos de filtragem, entre outros.

0 comentários:

Enviar um comentário

Cartão de Visita do Facebook

Anúncios

Se quiser anunciar neste site entra em contato com publicidadeadn@gmail.com
 
ADN-Agência de Notícias | por Templates e Acessórios ©2010